Paulo perante Festo apela para César

Tendo entrado Festo na província, depois de três dias subiu de Cesaréia a Jerusalém, e os principais sacerdotes e os mais eminentes judeus deram-lhe informações contra Paulo, e em detrimento dele pediram a Festo como um favor que o mandasse vir a Jerusalém, armando-lhe uma cilada para o matarem no caminho. Festo, porém, respondeu que Paulo se achava detido em Cesaréia; portanto, disse ele, os que entre vós têm prestígio, desçam comigo, e se há naquele homem algum crime, acusem-no.

Tendo-se demorado entre eles cerca de oito ou dez dias, desceu a Cesaréia; e no dia seguinte sentando-se no tribunal mandou trazer a Paulo. Comparecendo este, rodearam-no os judeus que tinham descido de Jerusalém, trazendo contra ele muitas graves acusações, que não podiam provar; então Paulo, defendendo-se, disse: Não tenho pecado em coisa alguma, nem contra a Lei dos judeus, nem contra o templo, nem contra César. Festo, querendo alcançar favor dos judeus, perguntou a Paulo: Queres subir a Jerusalém e ser aí julgado destas coisas perante mim? Mas Paulo respondeu: Estou perante o tribunal de César onde devo ser julgado.

Não tenho feito mal algum aos judeus, como tu bem sabes. Se, pois, sou malfeitor, e tenho praticado alguma coisa que mereça a morte não recuso morrer; mas se não são verdadeiras as coisas de que me acusam, ninguém pode entregar-me a eles; apelo para César. Então Festo, - tendo conferenciado com o Conselho, respondeu: Para César apelaste, a César irás. - Cap XXV,vv 1-12

"Ódio velho não cansa", diz o refrão. O que não se pode arranjar, como se quer, de um modo, tenta-se fazer por outro.

A retirada de Félix deveria ter alegrado os judeus pois embora este não satisfizesse inteiramente os seus desejos, havia, entretanto, conservado a Paulo na prisão sem nada poderem eles conseguir, e com o substituto se tentaria ação mais categórica. Foi o que aconteceu.

Festo, homem venal, havia se prontificado a satisfazer a vontade dos sacerdotes e dos anciãos dos judeus, velhos perversos, com aparência de honradez e seriedade, mas a quem o Cristo já havia denominado como sepulcros caiados, que pareciam belos aos olhos dos homens, mas que estavam cheios de rapina e de podridão.

Festo, pois, como se depara do texto, não era mais nobre de consciência que Félix; "queria alcançar o favor dos judeus" e não vacilou em pôr em prática as sugestões recebidas.

Mas Paulo, além de ser um homem sábio que discernia os corações, contava com a assistência de Jesus, e como havia recebido do Senhor ordens para dar testemunho de sua Palavra em Roma, manteve-se na sua decisão anterior: "Estou perante o tribunal de César, onde devo ser julgado".

Cidadão romano, tinha ele o direito de apelar para César, e tomada a resolução ninguém poderia revogar a decisão resolvida em juízo. Mas Paulo permaneceu ainda por um pouco em Cesaréia..

Cairbar Schutel