O JUSTO VIVE DA FÉ

"O justo vive da fé." - Paulo, (Romanos, 1:17)

Assim como o homem físico vive do alimento por necessidade biológica, o justo, isto é, o homem religioso, vive da fé, por necessidade psíquica.

A fé é apoio, incentivo, compreensão, esperança.

A fé é o alimento da alma, a qual fortifica o homem, dando-lhe forças para enfrentar as vicissitudes inevitáveis da existência terrena, neste Planeta de provas e expiações.

Somente a fé ajuda a suportar as agruras, as tribulações deste mundo, cujos habitantes ainda estão longe dos ensinamentos trazidos por Jesus, Mestre e Condutor de nossas almas.

O alento da fé ajuda-nos a esperar o mundo de Paz e Fraternidade com o qual sonhamos e para o qual, nós mesmos, devemos trabalhar, desde já como seguidores do Evangelho.

Luiz R. da Cruz