PELO ESPÍRITO É DADA A PALAVRA DA SABEDORIA

"Mas a manifestação do Espírito é dada a cada um, para o que for útil.
Porque a um pelo Espírito é dada a palavra da sabedoria; e a outro,
pelo mesmo Espírito, a palavra da ciência; E a outro, pelo mesmo
Espírito, a fé; e a outro, pelo mesmo Espírito, os dons de curar;
E a outro a operação de maravilhas; a outro, a profecia; a outro,
o dom de discernir os espíritos; a outro, a variedade de línguas; a
outro, a interpretação das línguas. Mas um só e o mesmo Espírito
opera todas estas coisas, repartindo a cada um como quer".
Paulo, (Coríntios, 12:7-11)

Está bem clara, não deixando nenhuma dúvida, a referência de Paulo à "diversidade de dons", isto é, às diversas formas de mediunidade, tão bem transmitidas por Allan Kardec, no "O Livro dos Médiuns" e já bastante conhecidas, particularmente por nós, brasileiros.

No Brasil, o Espiritismo foi logo aceito, ainda no tempo de Allan Kardec, e se difundiu rapidamente, colocando nosso País na liderança do Movimento Espírita Mundial.

Em todas as Sociedades Espíritas, estuda-se e pratica-se a mediunidade, e já existe vastíssima literatura mediúnica, pela psicografia de vários e conceituados médiuns, entre os quais podemos citar Francisco Cândido Xavier, Divaldo Pereira Franco, Yvonne A. Pereira.

As valorosas aulas de Paulo aos Coríntios, sobre mediunidade, devem-se ao fato de ser comum a prática mediúnica nas igrejas fundadas por ele (Paulo), prática esta que perdurou, por muito tempo, nas Igrejas dos primeiros séculos do Cristianismo.

Luiz R. da Cruz