COMO AJUDAREI

"Senhor, a ti não se te dá que minha irmã me tenha deixado só a servir?
manda-lhe, pois, que me ajude. Mas respondeu-lhe o Senhor, Marta,
Marta estás ansiosa e te ocupas com muitas coisas. Entretanto, poucas
são necessárias, ou antes uma só. Maria escolheu a boa parte, que não
lhe será tirada" - (Lucas, 10:40 a 42)

- Se assim se expressou o Divino Mestre, como ajudarei, em sã consciência, à minha irmã Marta, representando todas aquelas que se encontram sobrecarregadas de tarefas concernentes às muitas coisas que não constituem a melhor parte-?

- Lê com carinho o texto evangélico e observarás que ... "iam de caminho e entrou Ele em uma aldeia ... " portanto, o Senhor visitava a casa de Marta e Maria e toda a atenção possível devia ser concentrada na melhor parte do momento que passava: na de ouvir ao Divino Visitante!

O fato, pois, de já saberes colocar teu coração na "melhor parte da vida", apontada por Jesus, não te impedirá nem te eximirá de ajudares a todas as irmãs de tua existência às quais é reservado o papel de Marta.

Assim,

- se és irmã de Marta-Lavadeira, lembra-te de que a sua ocupação é nobre e digna aos olhos dos Espíritos Superiores, por representar devoção à luta contra a desordem e a imundície e, ajuda-a.

Se és irmã da Marta-Cozinheira, aprende com a constância e minúcia que o setor exige, que as lições são aprendidas em qualquer bom livro de experiência da vida e, ajuda-a.

Se és irmã da Marta-Mãe de Família, compreende que Jesus, por conselho, jamais afastaria esta Marta de suas divinas obrigações de prever e orientar a manutenção do corpo que nos faculta o aprendizado na Escola Terrena e, ajuda-a.

Se és irmã da Marta-Costureira que ganha o sustento de uma vida pura, ao pé da máquina ou de agulha na mão, convence-te de que também esta tarefa não ficará esquecida pelos Orientadores da Vida e, ajuda-a.

Se, enfim, és irmã da Marta-Arrumadeira, que tem na vassoura e no balde o ganha-pão para o sustento dos filhinhos queridos, recorda-te que forças universais, quais o sejam ventos e chuvas, fazem os mesmos movimentos em benefício de nosso Planeta e, ajuda-a,

Lembra-te, aprende, compreende, convence-te e recorda ajudando sempre e reserva, em todos os dias de tua vida, momentos para seres Maria e receberes em teu coração e em tua mente a visita do Divino Mestre e ouvindo aprenderás que há em todas as ocorrências de nossa vida, uma parte melhor para empregarmos nosso esforço e que ela, muitas vezes, está justamente no ajudarmos às nossas irmãs Martas, no desempenho de suas mais humildes tarefas.

Ottília (Espírito)