COMO LIGAREI

"Em verdade vos digo: Tudo o que ligardes sobre a Terra,
será ligado no Céu; e tudo o que desligardes sobre a Terra,
será desligado no Céu." - (Mateus, 18:18)

- Observando que, quase sempre, a Vida nos reserva para nosso próprio bem e necessário aprendizado, ligações com espíritos em circunstâncias que nâo sâo aquelas em que ansiamos permanecer nos caminhos da Eternidade, como me ligarei aos mesmos na presente vida terrena?

- Se lanças o olhar perscrutador para as significações da paisagem que o "hoje" te oferece;

se guardas o coração repleto de sonhos e projetos plenos de espiritualidade e beleza,

não olvides a voz da razão e da inteligência esclarecida, que te induz a reconhecer que o dia de hoje teve o seu começo no de ontem e prolongar-se-á até o de amanhã.

Se analisas destruindo e dissecando mentalmente, sem piedade, circunstâncias e espíritos que integram o cenário de tua vida;

se enfeitas, pintas e bordas com todos os recursos de tua fantasia, os painéis de teus sonhos,

não te esqueças que, quem analisa só e pergunta sem proveito, perde-se no labirinto das indagações inúteis, afoga-se no mar do desânimo e enterra-se sob o monte do desespero pelas horas perdidas.

Assim,

Se guardas a boa intenção de acertar no Bem e de te elevares com o crescimento íntimo, nos conhecimentos e virtudes, liga-te a tudo e a todos que a Vida a fazê-la te chama, procurando bem fazê-la, com a afirmação de tua personalidade nas lições do Evangelho.

Porque, quando o Pai nos convoca a viver determinados papéis em certos cenários da vida, é que aí nos aguarda alguma tarefa necessária ao nosso crescimento espiritual.

Porque, quase sempre, daqueles com quem aprendes a te ligares pela fraternidade, pela compreensão, pela tolerância e pelo serviço dedicado, estarás, na realidade, te desligando, aqui mesmo de laços de ódio, de convivência no mal ou no crime pelos quais te ligastes no passado. Destes, permanecerás desligado no Céu, livre para, então, te ligares pela sublimação de sentimentos, pelo engrandecimennto de ideais e pelo amor santificado e puro, a tudo e a todos de que te julgas, presentemente, desligado.

Ottília (Espírito)