COMO MEDIREI

"Também lhes disse: atendei ao que ouvis.
A medida de que usais, dessa usarão convosco
e ainda se vos acrescentará." - (Marcos, 4:24)

- Como medirei, pela mesma medida, os atos e ações de um criminoso rebelde e os da criaatura infeliz que, pela ignorância ou desespero, foram levados ao mesmo caminho do roubo?

- Não se vos recomendou que désseis o mesmo julgamento a todas as circunstâncias, nem que nivelásseis as criaturas e suas ações em plano de igualdade injusta.

Não se vos recomendou que considerásseis de um mesmo modo os sentimentos vários que motivaram ações aparentemente iguais, mas, na realidade, profundamente diversas.

Atendei, porém, para o que ouvis, a fim de que possais medir ações e efeitos medindo o coração de quem as fez e porque foram feitos.

Atendei para o que ouvis, porque com as mesmas medidas de tolerância, justiça, caridade e amor com que procurardes calcular as ações do próximo, essas mesmas e somente essas sereis capazes de distinguir no julgamento conferido às vossas próprias ações.

Ottília (Espírito)