COMO VIVEREI

"Observa os meus mandamentos e vive." - (Provérbios, 7:2)

- Como, entre a atmosfera mental e sentimental ainda imperfeita deste Mundo, observarei os mandamentos do Alto e viverei?

- Recomendado te foi que observasses os mandamentos e vivesses e não que observasses para viveres ou que vivesses apenas observando-os.

Na Lei de temperança e de equilíbrio que rege todas as atitudes superiores dos espíritos elevados ou em elevação, observarás a exemplificação do presente texto bíblico.

Ninguém deverá nem poderá fugir às exigências do meio ambiente em que se demora em luta de aprendizado bendito, e ninguém viverá fora das circunstâncias que lhe delimitam a experiência em determinado plano do Universo, mas ninguém deverá jamais se esquecer de, vivendo, observar nesse viver os preceitos superiores que lhe possibilitem elevar a significação de sua vida, qualquer que ela seja, a fim de merecer novas e melhores oportunidades.

Assim pois, tu que estás no plano terreno, vive a tua lição com cuidado, zelo, esforço e sacrifício e, para melhor fazê-lo, observa os mandamentos contidos nos ensinos do Divino Mestre.

Vive a tua experiência de doente retido ao leito por uma vida inteira e observa, cada dia um pouco, os mandamentos da conformação, da resignação e transforma tua dor em incentivo à conquista da perseverança para cresceres no aprendizado;

- vive a tua oportunidade de responsável por grandes bens materiais mas observa os mandamentos evangélicos que te ensinarão a empregar algo de tua riqueza no bem coletivo e na melhoria de situação para aqueles cujos ombros são mais fracos que os teus;

- vive a tua luta de solidão sentimental, que a vida te impôs, mas observa os mandamentos exemplificados pelo Divino Amigo e aprende a ver nas pessoas que te cercam, irmãos queridos a quem podes extender tuas expressões de carinho, amor, de compreensão, de amparo ou de sabedoria.

Tempera, enfim, a imperfeição do ambiente mental em que vives, procurando observar por ti próprio os mandamentos divinos e viverás com a certeza de estares fazendo a tua parte para que este Mundo nos ofereça, um dia, padrão de vida mais sublimada.

Ottília (Espírito)