TAREFA DOS ESPÍRITAS

Espírita é toda pessoa que vive de acordo com os ensinamentos da doutrina espírita.

O espírita sabe que seu primeiro dever é trabalhar para o seu progresso espiritual.

O segundo dever de um espírita é concorrer para o progresso de seus irmãos, auxiliando-os em seu adiantamento.

A humanidade sofre mais por falta de instrução do que propriamente por falta de pão.

Compreendendo esta verdade, o espírita precisa ser um instrutor.

A tarefa que cabe aos espíritas é instruir.

A instrução que os espíritas precisam ministrar a todos divide-se em duas partes:

1 — Ensinar a Moral Cristã. 2 — Ensinar a Doutrina Espírita.

Para ensinar é preciso primeiro aprender e para aprender é preciso estudar. Os espíritas devem ser muito estudiosos.

A Moral Cristã estuda-se no Evangelho de Jesus.

O Espiritismo estuda-se nos livros escritos pelos grandes espíritos que o vieram trazer à Terra, um dos quais é Allan Kardec.

Os espíritas combaterão os vícios e a ignorância.

A tarefa dos espíritas é grandiosa; requer muito devotamento e muita abnegação.

O lema de todos os espíritas será: devotamento e abnegação. Sobretudo os espíritas têm o alto dever de dar o exemplo.

O exemplo é o melhor dos mestres; os espíritas precisam viver uma vida honrada e cumprirem fielmente todos os seus deveres.

Eis a nobre tarefa que cabe aos espíritas executar.

Mas que ninguém se envaideça: cumprindo essa tarefa não faremos mais do que nossa obrigação.

Terminado que seja o nosso trabalho, elevemos ao Senhor uma nossa prece e digamos, do fundo de nosso coração:

— Senhor, somos servos inúteis; apenas cumprimos o nosso dever.


Eliseu Rigonatti