A
ABISMO (...) O abismo é a imensidade. Para os Espíritos impuros, semelhante locução tinha uma significação precisa: a imensidade onde o Espírito criminoso erra isolado, condenado às trevas e às angústias causticantes do remorso, (...) abismo que a vossa imaginação vos representa como sendo uma fornalha ardente a devorar carnes fictícias, sem jamais as consumir. J.B. ROUSTAING (ver também: Inferno, Umbral, Geena)
ABNEGAÇÃO A abnegação, em toda parte, é sempre uma estrela sublime. Basta mostrar-se para que todos gravitemos em torno de sua luz. André Luiz
ABORRECER Aborrecer é uma expressão que, na vossa linguagem, tem uma força, um vigor de que carece o termo que lhe corresponde no idioma hebraico e que neste passo foi empregado, significando apenas não fazer da vida objeto de culto, não sacrificar o que a honra, o respeito e o amor a Deus concitam o homem a ter em conta. O que Jesus quis dizer, servindo-se daquele vocábulo, foi que cumpre ao homem conservar a sua vida espiritual, para caminhar nas sendas que conduzem à perfeição.J.B. ROUSTAING
ABORTO

Dado o caso que o nascimento da criança pusesse em perigo a vida da mãe dela, haverá crime em sacrificar-se a primeira para salvar a segunda?-"Preferível é se sacrifique o ser que ainda não existe a sacrificar-se o que já existe." ALLAN KARDEC

A Doutrina Espírita preceitua que o aborto é um crime horripilante, tão condenável quanto o em que se elimina a existência de um adulto. MARTINS PERALVA

ABSTINÊNCIA Abstinência, em matéria de sexo e celibato, na vida de relação pressupõe experiências da criatura em duas faixas essenciais - a daqueles Espíritos que escolhem semelhantes posições voluntariamente para burilamento ou serviço, no curso de determinada reencarnação, e a daqueles outros que se vêem forçados a adotá-las, por força de inibições diversas. EMMANUEL
ABUSO (...) Toda destruição que excede os limites da necessidade é uma violação da lei de Deus. Os animais só destroem para satisfação de suas necessidades; enquanto que o homem, dotado de livre-arbítrio, destrói sem necessidade. Terá que prestar contas do abuso da liberdade que lhe foi concedida, pois isso significa que cede aos maus instintos. ALLAN KARDEC
AÇÃO

As ações humanas são resultantes do pensamento. Pensar em desacordo com o que se faz é um contra-senso. Nossas experiências exteriores passam antes por nossa mente. JUVANIR BORGES DE SOUZA

A boa ação é sempre aquela que visa o bem de outrem e de quantos lhe cercam o esforço na vida.CHICO X.

ACASO É este um enigma que nenhum Édipo conseguirá decifrar; uma interrogação aque nenhum sábio saberá responder. O acaso é a força inteligente que tudo rege; é a origem providencial de onde tudo emana. O acaso é uma palavra; debaixo dessa palavra está uma incógnita. Os crentes chamam a essa incógnita Deus; os ecléticos, Providência; os fatalistas Destino; os descrentes, Lei. FERNANDO DE LACERDA
ACEITAÇÃO Aceitação é a prática da humildade. Cumpre-nos amar ao Criador e aceitar sua criação, tal como se apresenta Toda a grandeza do Universo, embora não a compreendamos integralmente ainda, toda a diversificação da Criação, nos diversos reinos da Natureza, estão contidas na aceitação. Nela incluímos nós mesmos, como somos; nela respeitaremos sempre nosso semelhante, qualquer que seja sua condição evolutiva, sua posição na sociedade, sua crença, sua cor, sua raça, seu sexo, sua idade. JUVANIR BORGES DE SOUZA
ACERTO (...) os acertos (são) um acréscimo da Misericórdia Divina a beneficiar-nos. ROQUE JACINTHO
ACREDITAR Acreditar é uma expressão de crença, dentro da qual os legítimos valores da fé se encontram embrionários. Emmanuel
ADÃO

Adão personifica a Humanidade (...). Está hoje perfeitamente reconhecido que a palavra hebréia haadam não é um nome próprio, mas significa: o homem em geral, a Humanidade, o que destrói toda a estrutura levantada sobre a personalidade de Adão. ALLAN KARDEC

O homem, cuja tradição se conservou sob o nome de Adão, foi dos que sobreviveram, em certa região, a alguns dos grandes cataclismos que revolveram em diversas épocas a superfície do globo, e se constitui tronco de uma das raças que atualmente o povoam. As leis da Natureza se opõem a que os progressos da Humanidade, comprovados muito tempo antes de Cristo, se tenham realizado em alguns séculos, como houvera sucedido se o homem não existisse na Terra senão a partir da época indicada para a existência de Adão. Muitos, com mais razão, consideram Adão um mito ou uma alegoria que personifica as primeiras idades do mundo. ALLAN KARDEC

ADIVINHAÇÃO A clarividência ou adivinhação é essa faculdade, que possui a alma, de perceber no estado de vigília os acontecimentos passados ou futuros, no mundo intelectual como no domínio físico. Esse dom se exerce através do tempo e da distância, independentemente de todas as causas humanas de informação. LÉON DENIS
ADOLESCÊNCIA A adolescência é o período que se estende desde a puberdade - 12-13 anos, até atingir o estado adulto pleno - 22-25 anos. É variável entre os pesquisadores da personalidade juvenil, em virtude das diferenças na idade emocional e mental nos adolescentes. Período da existência que se caracteriza por transformações acentuadas de comportamento, acompanhando as mutações físicas, apresenta, muitas vezes, dificuldades de relacionamento com os pais e problemas complexos no caráter e no sentimento, desafiando orientadores e psicólogos. WALTER BARCELOS
ADORAÇÃO (A adoração consiste) "Na elevação do pensamento a Deus. Deste, pela adoração aproxima o homem sua alma". (...) A adoração verdadeira é do coração. Em todas as vossas ações, lembrai-vos sempre de que o Senhor tem sobre vós o seu olhar. ALLAN KARDEC
ADORADOR Os verdadeiros adoradores que o Pai reclama, seus adoradores em espírito e verdade, são todos aqueles que, seja qual for o rito que a encarnação os tenha levado a praticar, fazendo-os nascer em tal ou tal meio, repelem a materialização do culto, não reconhecendo, como templo único do Pai, senão o coração do homem, nem outro santuário que não a consciência do homem. São todos os que se elevam para o Pai, prestando-lhe as homenagens do pensamento, do coração e dos atos, empregando sérios e profiados esforços por praticar o amor a Deus acima de tudo e o amor ao próximo como a si mesmos. São todos os que, vendo nos outros homens irmãos seus, têm fé em Deus e praticam a caridade sob todas as formas, segundo a lei do amor. São todos os que se esforçam sempre, com sinceridade, por não fazer aos outros, no terreno físico, como no terreno moral e intelectual, seja por palavras, seja por atos, o que não quereriam que lhes fizessem e se esforçam igualmente por fazer aos outros, do ponto de vista do bem, do que é justo, verdadeiro e bom, seja por palavras, seja por atos, tudo o que desejariam que lhes fosse feito. J.B. ROUSTAING
ADORAR Adorar a Deus em espírito e verdade é adorá-lo conforme a sua verdadeira natureza, isto é, adorá-lo no íntimo de nossos corações, no recôndito de nossas almas. Adorar a Deus em espírito e verdade é cultivar a sinceridade e a pureza de sentimentos, requisitos indispensáveis à revelação de Deus em nós mesmos. Adorar a Deus em espírito e verdade é viver segundo as grandes leis divinas, gravadas em caracteres indeléveis no âmago das nossas consciências, e que se traduzem em amor e justiça. PEDRO DE CAMARGO VINÍCIUS
ADÚLTERO (...) O homem pode ser enquadrado como adúltero, não apenas quando desrespeita os compromissos conju-gais, mas também quando alimenta o desejo de fazê-lo, cobiçando outra mulher.RICHARD SIMONETTI
ADVERSÁRIO

O adversário, para o espírita, não é um inimigo, mas um irmão colocado, temporariamente, em posição de antagonismo, e com o qual, mais cedo ou mais tarde, tem o dever de reconciliar-se. MARTINS PERALVA

(...) em relação à vida na Terra, o começo é sempre o berço, mas, na verdade, na ótica espírita, nascer é renascer, reencontrar antigos afetos. Alguém poderia objetar que se pode também encontrar antigos desafetos renascendo entre os adversários do passado. Isso é verdadeiro, mas repetindo algo que André Luiz afirmou certa feita, diríamos qu "o ódio é o amor que adoeceu", então os desafetos são, na realidade, afetos que se contaminaram pela mágoa, ressentimentos e outros sentimentos negativos(...) DALVA SILVA SOUZA

ADVERSIDADE (...) Aadversidade é uma grande escola, um campo fértil em transformações. Sob seu influxo, as paixões más convertem-se pouco a pouco em paixões generosas, em amor do bem.(...). LÉON DENIS
AERÓBUS (...) Não era máquina conhecida na Terra. Constituída de material muito flexível, tinha enorme comprimento, parecendo ligada a fios invisíveis, em virtude do grande número de antenas na tolda (...). Carro aéreo, que seria na Terra um grande funicular. ANDRÉ LUIZ
AFEIÇÃO "Duas espécies há de afeição: a do corpo e a da alma, acontecendo com frequência tomar-se uma pela outra.. Quando pura e simpática, a afeição da alma é duradoura; efêmera a do corpo. Daí vem que, muitas vezes, os que julgavam amar-se com eterno amor passam a odiar-se, desde que a ilusão se desfaça".ALLAN KARDEC
AFETIVIDADE Provavelmente a função mental mais abrangente e importante para a vida psíquica seja a afetividade. É a faculdade de se experimentar emoções e sentimentos. Segundo Delay, "na esfera tímica, que engloba todos os afetos, o humor representa um papel similar ao que a consciência tem na esfera noética, que engloba todas as representações. Essa afirmação peca por uma excessiva redução do significado do conceito de consciência que de modo algum exclui os afetos. Com essas assertiva concorda Bleuler ao dizer que "o humor ou afetivida-de consiste na soma total dos sentimentos presentes na consciência em dado momento". Leopoldo Balduino
AFINIDADE (ver sintonia) A afinidade é "uma faixa de união" em que nos integramos uns com os outros." CHICO XAVIER
AFINIDADE ELETIVA (ver psicometria) Explica Bozzano, com irresistível lógica, que o médium entrará em relação com os fatos ligados aquele (possuidor) cujo fluido se evidenciar mais ativo em relação com o sensitivo. A este aspecto do fenômeno psicométrico, Bozzano denominou de "afinidade eletiva". MARTINS PERALVA
AFLIÇÃO Aflição, na essência, é reflexo intangível do mal forjado pela criatura que a experimenta, e todo mal representa vírus da alma, suscetível de alastrar-se ao modo de epidemia mental devastadora. WALDO VIEIRA
AFLORAÇÃO Alguns autores chamam (...) afloração (em magnetismo, à ação de passar a mão sobre o corpo quando feita por meio de contato muito superficial e por cima das roupas). MICHAELUS
AGAPÊ (...) é o amor - benevolência, que se dirige, como força construtiva do bem, em favor do próximo, diferente, portanto, do amor passional e egoísta. HERMÍNIO C. MIRANDA
AGÊNERE

A palavra, então cunhada pela "Societe Parisienne des Etude Spirites", já pertence, hoje, igualmente ao nosso idioma. O Dicionário de Laudelino Freire define-a assim: "S.F.Espiritismo": Aparição tangível, em que o espírito assume a forma de pessoa vivas". ISMAEL GOMES BRAGA

Há, porém, agênere e agêneres. Tais seres são, por definição, criaturas fisiologicamente não geradas como o normal dos encarnados. Noutras palavras seres que se mostram materializados aos olhos humanos, às vezes por longos períodos, que são interrompidos, necessariamente, por varíaveis interregnos de tempo. Em casos especiais, a frequência com que aparecem dá uma poderosa impressão de continuidade. Hernani T.Sant'Anna

AGIR Falar é força importante. Todavia o verbo agir é base fundamental da redenção no porvir. CHICO XAVIER
AGONIA

Agonia é o prelúdio da separação da alma e do corpo. Pode dizer-se que, nesse momento, o homem tem um pé neste mundo e um no outro. ALLAN KARDEC

(...) A agonia representa a soma dos esforços realizados pelo perispírito a fim de que desprender dos laços carnais. LÉON DENIS

AGRADECER (...) Agradecer não será tão somente problema de palavras brilhantes; é sentir a grandeza dos gestos, a luz dos benefícios, a generosidade da confiança e corresponder, espontaneamente, estendendo aos outros os tesouros da vida. (...) agradecer significa aplicar proveitosamente as dádivas recebidas, tanto ao próximo quanto a si mesmo. EMMANUEL
ÁGUA

"A água, em face da sua constituição molecular, é elemento que absorve e conduz a bioenergia que lhe é ministrada. Quando magnetizada é ingerida, produz efeitos orgânicos compatíveis com o fluido de que se faz portadora (..). DIVALDO P. FRANCO

"A água é do corpos mais simples e receptivos daTerra. É como que a base pura, em que a medicação do Céu pode ser impressa, através de recursos substanciais de assistência ao corpo e à alma, embora o processo invisível aos olhos mortais". (...) a água é o agente da Natureza que mais rápida e completamente absorve os fluidos. Daí, o grande valor terapêutico da água magnetizada, tanto para as moléstias internas como para as externas. MICHAELUS

ÁGUA DE POÇO DE JACOB A água do poço de Jacob era o símbolo da matéria que alimenta o corpo. J.B. ROUSTAING

ÁGUA FLUIDIFICADA

(ver fluidoterapia)

A fluidificação da água deve ser sempre realizada no ambiente dedicado ao passe ou em local reservado e devidamente preparado para tal finalidade. Essa fluidificação pode ser feita espiritualmente ou através de um passista encarnado. Na fluidificação espiritual o recipiente com água é simplesmente posto sobre uma mesa, ou outro móvel qualquer, num ambiente em que se faz a leitura de uma página evangélica, seguida de uma prece em que se pede aos Espíritos superiores que fluidifiquem aquela água, dizendo-se sempre a finalidade a que se destina. Quando a fluidificação for realizada através de um passista, ele deve sempre ser escolhido entre os que se apresentem mais equilibrados, física e psiquicamente.LUIZ CARLOS DE GURGEL
ÁGUA VIVA (...) A água viva, que Jesus teria dado à Samaritana se, conhecendo "o dom de Deus" e, conhecendo-o, ela lha houvesse pedido, e que dá a todo aquele que o conheça e conheça o dom de Deus, é o símbolo das verdades eternas, do progresso moral, que alimentam a alma e a elevam, que asseguram a predominância do espírito sobre a matéria, de tal maneira que aquele nunca mais se tornará escravo desta. J.B. ROUSTAING
AIDÉTICO O indivíduo, depois de declarado enfermo da AIDS pela Medicina e tornar-se conhecido pela sociedade como portador desta nova moléstia, padecerá, além dos terríveis sintomas da enfermidade, todos os tipos de preconceitos, incompreensão e abandono por parte de familiares, amigos e colegas, por ser ela por enquanto incurável, bem como pelo receio e pavor natural que assola todo mundo, quanto aos riscos de contágio e transmissão para os cônjuges e filhos. Esse terror que toma conta da população é, de certa forma, benéfico, porque coloca um freio nos instintos sexuais desequilibrados. As doenças físicas, por mais difíceis e dolorosas que sejam, não superam os traumas morais, que são muito mais profundos e consequentemente mais torturan-tesao Espírito, por atingir de forma cruciante a sua sensibilidade total. Com o exílio afetivo decretado pelos familiares, amigos e colegas, vivendo o abandono geral dos corações queridos e recebendo até mesmo críticas sobre seu comportamento, experimenta uma solidão imensa, superável apenas com muita força interior, susten-tada pela fé na luz superior, que é Deus, fonte inesgotável d eAmor para o nosso fortalecimento espiritual. O aidético, quando banhado pela fé superior, passa a compreender suas dores e isolamento com o devido perdão e humildade, beneficiando-se em todos os aspectos físicos e psíquicos, pela eliminação da revolta, condenação, tristeza e desespero, que poderiam indubitavelmente lesar ainda mais o sistema mental.Walter B.
AIDS Surge, na segunda metade deste século, uma nova moléstia: a AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida), causada pelo vírus do tipo HIV, responsável pela extinção de milhões de vidas na África, desde 1950. Difundindo-se pelo mundo, foi identificada nos U.S.A. no ano de 1978. WALTER BARCELOS
AJUDAR Ajudar não é impor. É amparar, substancialmente, sem pruridos de personalismo, para que o beneficiado cresça, se ilumine e seja feliz por si mesmo.Ajudar é a honra que nos compete. ANDRÉ LUIZ
AJUNTAR TESOUROS NO CÉU (...) quer dizer "acumular valores íntimos para comungar a glória eterna". EMMANUEL
ÁLCOOL (...) o álcool, que destrói milhares de criaturas, é veneno livre, onde quer que vá, e, em muitos casos, quando se fantasia de champanha ou de uísque, chega a ser convidado de honra, consagrando eventos sociais. Escorrega na goela de ministros com a mesma sem-cerimônia com que desliza na garganta dos malandros encarapitados na rua. Endoidece artistas notáveis, desfibra o caráter de abnegados pais de família, favorece doenças e engrossa a estatística dos manicômios; no entanto, diga isso num banquete de luxo e tudo indica que você, a conselho dos amigos mais generosos, será conduzido ao psiquiatra, se não for parar no hospício. Irmão X
ALCOÓLATRA Alcoolofilia - (...) pelas consequências sócio-morais que acarreta, quando se perverte em viciação criminosa, simples em começo e depois aberrante, é veículo de obsessores cruéis, ensejando, a alcoólatras desencarnados, vampirismo impiedoso, com consequentes lesões do aparelho fisiopsíquico. Divaldo P.Franco
ALCOÓLATRA E TOXICÔMANO (...) Representam um grupo de personalidades psicopáticas, variando de acordo com o grau de intoxicação em que se encontram e das lesões desencadeadas pelo abuso. Mas graves que as lesões físicas são as de caráter psicológico, sempre presentes nos chamados dependentes. JORGE ANDRÉA DOS SANTOS
ALEGRIA Jesus foi otimista nas suas pregações, ensinando as criaturas a se alegrarem com a vida, reconciliando-se com DEUS através da prática de ações puras e da emissão de pensamentos nobres e renovadores. A alegria é índice de boa saúde espiritual. Quem ama a Deus não se entrega à tristeza, ao desânimo, à desesperança, porque estes três estados dalma denunciam falta de fé, ausência de confiança nos desígnios do Pai que está nos Céus. O apóstolo Paulo afirmou que "os frutos do Espírito são amor, alegria e paz". Na verdade, sem amor, sem alegria, sem paz, o Espírito não pode evoluir (...). Indalício Mendes
ALÉM (VIDE PLANO ESPIRITUAL)  
ALÉM-DA-VIDA Assim, depois da morte, o homem "encontra-se" naquilo a que chamarei o além-da-vida, num estado que é, sem dúvida, seu estado normal, sendo apenas transitório este em que vivemos presentemente, enquanto o não suponha sem objetivo. Paul Gibier
ALFA (...) Propomos denominar alfa aos fenômenos de dissociação funcional da atividade psíquica (personismo), porque constituem um mecanismo primário da mediunidade e se relacionam, a nosso ver, com o estágio inicial do transe mediúnico. Jayme Cervino
ALIENAÇÃO MENTAL Sendo todo alienado, conforme o próprio verbete denuncia, um ausente, a alienação mental começa, muitas vezes, quando o espírito retoma a corpo pela reencarnação em forma de limitação punitiva ou de corrigenda, ligado a credores dantanho, em marcha inexorável para o aniquilamento da razão, quando não se afirma nas linhas do equilíbrio moral... Divaldo P. Franco
ALIMENTAÇÃO A alimentação bem adequada, conforme a natureza, é o agente principal da saúde. Angel Aguarod
ALIMENTAÇÃO DA ALMA (...) constitui o pão da vida eterna legado ao mundo pelos redentores (..) Angel Aguarod
ALIMENTAÇÃO PSÍQUICA Um detalhado estudo realizado nos Estados Unidos, mostra ainda de maneira mais contundente a necessidade imperiosa de alimentação psíquica no começo da vida(...) (..) a alimentação psíquica pode efetuar-se pela interação com outras pessoas, não só com a mãe, basta que se estabeleça uma ligação afetuosa que permita a passagem das energias perispirituais. Precisamos enfatizar, todavia, que, para a criança, a ligação com aquela que lhe deu o ser e que a abrigou em seu próprio corpo, representa a alimentação afetiva mais preciosa e sua ausência significa sempre uma situação de prova que o Espírito, ao reencarnar, precisará vencer. Dalva Silva S
ALLAN KARDEC Allan Kardec foi o pseudônimo adotado pelo ilustre professor Hyppolyte Léon Denizard Rivail, nascido em 3 de outubro de 1804, em Lyon, na França, onde desencarnou em 31 de março de 1869, na cidade de Paris, para realizar a tarefa, missionária, de codificar, isto é, apresentar em livros, metódica, didática e logicamente organizados, comentados e explicados, os postulados da Doutrina Espírita. Pedro Franco Barbosa
ALMA A alma (...) vem de Deus; é, em nós, o princípio da inteligência e da vida. Essência misteriosa, escapa à análise como tudo quanto dimana do Absoluto. Criada por amor, criada para amar, tão mesquinha que pode ser encerrada numa forma acanhada e frágil, tão grande que, com um impulso do seu pensamento, abrange o infinito, a alma é uma partícula da essência divina projetada no mundo material. Léo Denis
ALMA A PENAR "Uma alma errante e sofredora, incerta de seu futuro e à qual podeis proporcionar alívio, que muitas vezes solicita, vindo comunicar-se convosco". ALLAN KARDE
ALMA DA TERRA (..) conjunto dos Espíritos abnegados, que dirigem para o bem as vossas ações, quando os escutais, e que, de certo modo, são os lugares-tenentes de Deus com relação ao vosso planeta. ALLAN KARDEC
ALMA DECAÍDA As almas decaídas, contudo, quaisquer que sejam, não constituem uma raça espiritual sentenciada irremediavelmente ao satanismo, integrando, tão somente, a coletividade das criaturas humanas desencarnadas em posição de absoluta insensatez. Misturam-se à multidão terrestre, exercem atuação singular sobre inúmeros lares e administrações e o interesse fundamental das mais poderosas inteligências, dentre elas, é a conservação do mundo ofuscado e distraído, à força da ignorância defendida e do egoísmo recalcado, adiando-se o Reino de Deus, entre os homens, indefinidamente... ANDRÉ LUIZ
ALMA E PERISPÍRITO Alma e perispírito não fazem mais que um todo indissolúvel, e, se nós os distinguimos, é porque só a alma é inteligente, quer e sente. O invólucro é a sua parte material, o que vale dizer passiva: é a sede dos estados conscienciais, pretéritos, o armazém das lembranças, a retorta em que se processa a memória de fixação, e é nele que o espírito se abastece, quando necessita de cabedais intelectuais para raciocinar, imaginar, comparar, deduzir, etc... Também receptáculo de imagens mentais, é nele que reside, finalmente, a memória orgânica e inconsciente. O espírito é a forma ativa, o perispírito a passiva, e ambas, em seus aspectos, nos representam todos o princípio pensante...GABRIEL DELLANE
ALMA IMPURA (...) almas impuras são aquelas em quem nunca desapontou o desejo de purificar-se, de corrigir-se, de aperfeiçoar-se (...) são aquelas que jamais se curvaram ao elevado princípio do desinteresse, aquelas que se constituíram o centro único de todos os seus desejos e de todas as suas idéias, aquelas em que se consideram objetivo de tudo o que existe e que somente procuram o meio de satisfazer suas paixões e seus sentidos, aquelas enfim, em quem dominam o orgulho, o egoísmo, o amor-próprio, interesse pessoal e querem, ao mesmo tempo, servir a dois senhores que se contradizem. LÉO DENIAL
ALMA NOBRE Alma nobre é como nuvem, sem ponto de vista algum, recebendo benefícios, para dar ao bem comum. Casimiro Cunha
ALMAS GÊMEAS Existe uma "tese das almas gêmeas à teoria das metades eternas", os Espíritos reveladores não ratificam esta teoria, considerando que não existe união particular e fatal entre duas almas.Allan Kardec afirma que a expressão "metades eternas" deve ser tomada como uma metáfora, uma figura que simboliza a união de dois Espíritos simpáticos. São tão afins, que parece um completa o outro, formando uma só individualidade.
ALOSCOPIA (...) visão macroscópica e microscópica do interior dos corpos. ERNESTO BOZZANO
ALTRUÍSMO (...) amor ao próximo. RODOLFO CALLIGARIS
ALUCINAÇÃO As alucinações são ilusões do cérebro e do pensamento (..) Desde o momento que a impressão experimentada é considerada como real, como o resultado de uma causa exterior, agindo sobre o cérebro ou sobre o espírito perde ela o seu caráter alucinatório e entra na categoria dos fatos. (..) a alucinação, "que é uma sensação essencialmente subjetiva e errônea, uma percepção falsa. CAMILLE FLAMMARION
ALUCINAÇÃO ESPÍRITA (...) Por alucinações espíritas entendemos efeitos espíritas representando, para olhos humanos, uma coisa qualquer que não existe realmente, nem do ponto de vista material, nem do espiritual, e que não passa de ilusão produzida, sob a ação espírita, por uma simples combinação de fluidos (...) J. B. ROUSTAING
ALVORADA A alvorada é maravilha do céu que vem após a noite na Terra. EMMANUEL
AMAMENTAR Se dar vida é atributo da Natureza, amamentar é transvazar nossa vida noutra vida, derramar nossa alma, a cada instante, para que outra alma se erga e viva de nós. MARIA CELESTE
AMAR Amar, no sentido profundo do termo, é o homem ser leal, probo, consciencioso, para fazer aos outros o que queira que estes lhe façam; é procurar em torno de si o sentido íntimo de todas as dores que acabrunham seus irmãos, para suavizá-las; é considerar como sua a grande família humana, porque esta família todos as encontrareis, dentro de certo período, em mundos mais adiantados (...) ALLAN KARDEC
AMAR A DEUS

Amar a Deus acima de tudo é submeter-se a todas as suas leis, que todas se resumem na do amor; é amar o próximo como a si mesmo. J. B. ROUSTAING

Amar a Deus é fundir-se na humanidade, é absorver-se no amor fraternal, por isso que todo homem - como todas as criaturas do Senhor - provém do mesmo princípio, tende ao mesmo fim. J. B. ROUSTAING

AMAR AO PRÓXIMO Amar ao próximo é servir, é praticar a caridade essencial, é doar-se, cumprindo os deveres de fraternidade e de solidariedade (...) JUVANIR BORGES DE SOUZA
AMAR OS INIMIGOS (...) amar os inimigos é não lhes guardar o ódio, nem rancor, nem desejos de vingança; é perdoar-lhes, sem pensamento oculto e sem condições, o mal que nos causem; é não opor nenhum obstáculo à reconciliação com eles; é desejar-lhes o bem e não o mal; é experimentar júbilo, em vez de pesar, com o bem que lhes advenha; é socorrê-los, em que se apresentando ocasião; é abster-se, quer por palavras, quer por atos, de tudo o que os possa prejudicar; é finalmente, retribuir-lhes sempre o mal com o bem, sem a intenção de os humilhar. Allan Kardec
AMBIÇÃO A ambição é um impulso natural que, até certo ponto, nada de censurável, constituindo-se, mesmo, num elemento indispensável ao progresso individual e social. (...) A ambição deixa, todavia, de ser um bem, e assume a feição de vício detestável, quando excede determinados limites, caindo no exagero. Em outras palavras, quando, ao invés de ser governada por nós, passa a nos governar.RODOLFO CALLIGARIS
AMBIENTE O ambiente por si só não pode resolver o problema de uma prova, como não pode destruir resíduos espirituais de vingança ou compromissos de existências anteriores, como se observa em muitas formas de obsessão Se, no entanto, o ambiente está purificado por sentimentos elevados e por um padrão de procedimento equilibrado se o teor de moralidade é sadio, naturalmente há melhores condições para o tratamento espiritual. Por isso mesmo, muitas vezes os Espíritos orientadores preferem chamar a atenção para o foco, isto é, o meio, o local em que a pessoa vive e onde recebe vibrações pesadas, como se diz popularmente. Isto não quer dizer que não possa ocorrer obsessões entre pessoas de bom nível moral. Já muitos casos houve, e não podemos estranhar, desde que levemos em conta os vínculos da vítima com um passado devedor. Entretanto, no ambiente onde há trabalho desinteressado, onde não falta a prece sincera, onde se cultiva o amor, com suficiente dose de humildade e espírito de serviço, a ação das obsessões geralmente encontra alguma barreira e, por isso mesmo, o trabalho de assistência, pelo passe ou pela mensagem verbal, penetra mais a fundo, não fica na superfície, vai ao centro de receptividade, que é justamente o Espírito.DEOLINDO AMORIM
AMIGO Um amigo chega e socorre, antes de sentir pena do outro. Um amigo esforça-se para entender a verdade que se oculta no que o companheio não disse. Um amigo não constrange o parceiro nem se esforça por lhe arrancar confissões dolorosas; apenas espera, porque o tempo de uma relação fraterna é infinito, e a pressa pode afastar a oportunidade de novas e profundas descobertas.CARLOS AUGUSTO ABRANCHES
AMIGO DE JESUS É amigo de Jesus todo aquele que, como os discípulos, pratica a moral que ele pregou, caminha cumprindo suas provas, suas missões, pela senda que ele indicou.(...) Os a quem Jesus chama amigos são os que, servindo-se como os discípulos, da razão para desenvolverem o coração, sentem que neste lhes crescem o amor e o zelo, à medida que melhor compreendem as intenções e a paternal bondade do soberano a cuja lei amorosamente obedecem. J.B. ROUSTAING
AMIGO DO ESPOSO A expressão - "o amigo do esposo" - também João Batista a empregava figuradamente, para designar-se a si mesmo, pela razão de que o amigo do esposo é o que deste mais se aproxima e mais caro lhe é. Falando do "amigo do esposo" que com ele está e o ouve e muito se regozija por escutar a voz do esposo, João ainda se designa a si mesmo, como precursor de Jesus, seu devotado auxiliar, cheio de respeito e de amor para com ele e obedecendo-lhe à voz, jubiloso por tê-la ouvido, isto é, por ter visto começada a missão terrena do Mestre.
AMIGO ESPIRITUAL (...) amigos espirituais (..) são os Mensageiros da Esperança e da Consolação(...) DIVALDO P.FRANCO
AMIZADE

Na gradação dos sentimentos humanos, a amizade sincera é bem o oásis de repouso para o caminheiro da vida na sua jornada de aperfeiçoamento. Nos trâmites da Terra, a amizade leal é a mais formosa modalidade do amor fraterno, que santifica os impulsos do coração nas lutas mais dolorosas e inquietantes da existência. EMMANUEL

AMOR O amor é a celeste atração das almas e dos mundos, a potência divina que liga os Universos, governa-os e fecunda; o amor é o olhar de Deus! (...) o amor é o sentimento superior em que se fundem e se harmonizam todas as qualidades do coração; é o coroamento das virtudes humanas, da doçura, da caridade, da bondade; é a manifestação na alma de uma força que nos eleva acima da matéria, até alturas divinas, unindo todos os seres e despertando em nós a felicidade íntima, que se afasta extraordinariamente de todas as volúpias terrestres. LÉON DENIS
AMOR AO PRÓXIMO (...) Esse preceito encerra todos os deveres dos homens uns para com os outros. ALLAN KARDEC
AMOR-ATRAÇÃO No reino mineral - as leis de afinidade são manifestações primaciais do Amor-atração.MARTINS PERALVA
AMOR-COOPERAÇÃO No reino vegetal -"as árvores oferecem maior coeficiente de produção se colocadas entre companheiras da mesma espécie", porque o Amor-cooperação ajuda-as a produzirem mais e melhor. MARTINS PERALVA
AMOR DE MÃE Dizem os Espíritos que o amor materno é um sentimento instintivo e uma virtude. Como função do instinto, existe também no reino animal, mas aí se circunscreve às necessidades materiais. Isso significa que, quando o animal se torna apto a prover a própria substância, a mãe já não se ocupa dele, seu papel já foi cumprido. Entre os seres humanos, contudo, não há apenas a função do instinto, os laços que unem mãe e filho são mais fortes, duram uma vida inteira e sobrevivem ao fenômeno da morte. Quando nasce na mulher o sentimento de abnegação e devotamento em relação àqueles que a vida lhe situou como filhos consanguineos, essa energia psíquica, inicialmente instintiva, atinge o grau de virtude e é o bem mais precioso que alguém pode obter na situação de recém-encarnado, porque representará importante passo na sua aprendizagem do amor que é a meta da encarnação. DALVA SILVA SOUZA
AMOR DIVINO (...) O amor de Deus é a força da alma, a quem Ele deu a esperança da vida eterna. É esse amor que nos aquece os corações, engendra a fé e produz a caridade. ANTONIO LUIS SAYÃO
AMOR DO CRISTO (...) o seu amor infinito no orbe terrestre é o fundamento divino de todas as verdades da vida. EMMANUEL
AMOR DOS EGOÍSTAS (...) é um misto de ódio e loucura, porque odeia e fere impiedosamente a quem procura o objeto de seu amor. Com a mesma intensidade feroz com que "defende" a criatura amada, odeia e maltrata a quem se aproxima daquele que é o seu amor. O homem ou a mulher, conforme o caso ou a situação, defendem o seu amor, como os latifundiários defendem a sua propriedade, a sua posse e o seu domínio. FERNANDO DO Ó
AMOR-EGOÍSMO No amor-egoísmo, situamos paixões desvairadas, fruto, exclusivamente, do incontido desejo de posse. M.P.
AMOR E INSTRUÇÃO O amor é o trabalho, a ação, o serviço. A instrução é a leitura, o estudo, o conhecimento. Amor e Instrução constituem, por conseguinte, duas alavancas, duas ferramentas que devem estar, noite e dia, nas mãos dos Espíritas. Através do amor, exerceremos a solidariedade. Identificar-nos-emos com o sofrimento do próximo. Visitaremos o enfermo e o encarcerado. Despertaremos, enfim, no âmago de nossa individualidade eterna, a centelha de bondade que existe, potencialmente, em cada ser. Através do estudo, aprenderemos a discernir o erro da verdade; a claridade da sombra, e a sinceridade da hipocrisia. MARTINS PERALVA
AMOR-ELEVAÇÃO No amor-elevação, identificamos amores santificantes na órbita conjugal e, ainda na maternidade, na filiação, na fraternidade legítima. MARTINS PERALVA
AMOR E ÓDIO "O amor é pólen que fecunda a vida, enquanto o ódio é gás que a interrompe.." DIVALDO P. FRANCO
AMOR-EQUILÍBRIO Entre os astros, famílias de mundos viajando na amplidão cósmica, em obediência às leis da mecânica celeste, indicam-nos outra singular expressão do Amor - o Amor-equilíbrio, que mantém unidos astros e planetas no fabuloso espetáculo das constelações que cintilam, ofuscantes, na abóbada infinita. MARTINS PERALVA
AMOR E SABEDORIA Sentir, para saber com amor, e saber, para sentir com sabedoria, porque o amor e a sabedoria são as asas dos anjos que já comungam a glória de Deus. FRANCISCO C. XAVER
AMOR ESPIRITUALIZADO O amor espiritualizado é fruto da dedicação e do esforço constante da criatura em educar a si mesma, dominando seu orgulho e egoísmo ferozes, nas regras libertadoras do Evangelho de Jesus, para poder amar sem se preocupar em ser amada. Na floresta imensa das imperfeições e defeitos, a lavoura abençoada do amor não poderá nascer sem proteção e cultivo constante na terra do coração. O amor espiritualizado começará a surgir com o desenvolvimento das sementes, das virtudes; a humildade, a bondade, a paciência, o perdão, a tolerância, a indulgência, a ternura, a delicadeza, o entendimento e o respeito. Sem os tesouros da fé sincera, guardada no cérebro e no coração, essas plantas divinas não germinarão no canteiro sublime da alma. Não basta ficar esperando pelo do companheiro ou da companheira: o importante é aprender a amar sem exigência, a fim de materializá-lo no dia-a-dia da convivência conjugal (...). WALTER BARCELOS
AMOR LIVRE O amor livre constituindo as relações sexuais irresponsáveis, é costume milena da Humanidade, somente com a diferença de que, na atualidade, tomou proporções gigantescas, transformando-se em costume não censurado e até mesmo aprovado no seio das organizações familiares e da sociedade (...). O amor livre é a relação sexual sem compromisso, sem vínculo jurídico e afetivo duradouro, tendo por única finalidade a satisfação dos desejos e instintos sexuais, seja por parte do homem ou da mulher. Neste relacionamento de prazeres inferiores, momentâneos e passageiros, nem o homem nem a mulher interessam-se pela formação de laços afetivos que possam decretar uma vida conjugal responsável e permanente.WALTER BARCELOS
AMOR ROMÂNTICO Precisamos mostrar a eles (aos jovens), em primeiro lugar, que o amor é uma realidade no Universo, mas que esse envolvimento apresentado pela nossa cultura como amor está longe dele. Robert Johnson, partindo de estudos iniciados por Jung, escreveu um livro, para mostrar as diferenças entre o que ele chama de "amor romântico" e o verdadeiro amor. DALVA SILVA SOUZA
AMOR SEXUAL Não devemos esquecer que o amor sexual deve ser entendido como o impulso da vida que conduz o homem às grandes realizações do amor divino, através da progressividade de sua espiritualização no devotamento e no sacrifício. EMMANUEL
AMOR-SOLIDARIEDADE Entre os seres irracionais - a ternura, as providências de alimentação e defesa e a própria formação em grupos falam-nos no Amor-solidariedade. MARTINS PERALVA
AMOR-SUBLIMAÇÃO (...) Atributo das almas angélicais, nele pairando, acima do amor às criaturas, o Amor a Deus sobre todas as coisas. MARTINS PERALVA
AMOR VERDADEIRO O amor verdadeiro é, por sua própria natureza, o oposto do egoísmo, ninguém o caracterizou melhor que Paulo de Tarso, na 1ª. epístola aos coríntios, ao falar da fé, da esperança e da caridade. De seu texto, podemos depreender que o amor é paciente, é bom; o amor não inveja; o amor não se irrita, não folga com a injustiça.. Suporta todas as coisas, crê em todas as coisas, espera por todas as coisas, resiste a todas as coisas Ele permite que as pessoas envolvidas vejam o valor uma da outra, compartilhem experiências, encontrem significado nas tarefas simples da vida em comum, encorajem-se mutuamente a serem elas mesmas.Dalva S.S.
ANESTESIA "A anestesia é, pura e simplesmente, uma paralisia dos nervos que servem de condutores às impresssões externas para o aparelho cerebral, o qual, por sua vez, as transmite ao perispírito, onde o Espírito, agente inteligente, lê e traduz as imagens que elas aí imprimem." ADOLFO B.DE MENEZES
ANIMA E ANIMUS (...) O lado feminino no homem, Jung chamou-o de anima, e o lado masculino na mulher, animus. Em linguagem espírita, podemos entender que, quando um Espírito encarna em um corpo masculino, toda sua bagagem de experiência feminina anterior passa a constituir esse elemento psicológico secundário, minoritário a que Jung chamou anima e, do outro lado da moeda, quando o Espírito encarna em corpo feminino, é a bagagem de experiência masculina que se torna secundária em seu psiquismo, constituindo o que Jung chamou animus. Dalva Silva Souza
ANIMAL (...) Os animais são seres criados por Deus e por isso merecem nosso amor, nosso respeito e proteção.FEB
ANIMISMO Fenômenos psíquicos inconscientes se produzidos fora dos limites da esfera corpórea do médium, ou extramediúnicos (transmissão do pensamento, telepatia, telecinesia, movimentos de objetos sem contato, materialização). Temos aqui a manifestação culminante do desdobramento psíquico; os elementos da personalidade transpõem os limites do corpo e manifestam-se, a distância, por efeitos não somente psíquicos, porém ainda físicos e mesmos plásticos, e indo até à plena exteriorização ou objetivação, provando por esse meio que um elemento psíquico pode ser não somente um simples fenômeno de consciência, mas ainda um centro de força substancial pensante e organizadora, podendo também, por conseguinte, organizar temporariamente um simulacro de órgão, visível ou invisível, e produzindo efeitos físicos.Alexandre Aksakof.
ANIMISMO E ESPIRITISMO Com efeito, animismo e Espiritismo representam o duplo aspecto pelo qual se apresenta a mesma fenomenologia, que provém de uma causa única, constituída pelo espírito humano, na sua dupla fase de existência: a "encarnada" e a "desencarnada". ERNEST BOZZANO
ANJO

Anjo, segundo a acepção justa do termo, é mensageiro. Ora, há mensageiros de todas as condições e de todas as procedências e, por isso, a antiguidade sempre admitiu a existência de anjos bons e anjos maus. Andre Luiz

Anjos(..) são os Espíritos puros: os que se acham no mais alto grau da escala e reunem todas as perfeições". a palavra anjo desperta geralmente a idéia de perfeição moral. Entretanto, ela se aplica muitas vezes à designação de todos os seres, bons e maus, que estão fora da Humanidade. Diz-se: o anjo bom e o anjo mau; o anjo de luz e o anjo das trevas. Neste caso, o termo é sinônimo de Espírito ou de gênio. ALLAN KARDEC

ANJO CAÍDO (...) os que, apesar da sua inteligência e do seu saber, perseveraram no mal, sempre revoltados contra Deus e suas leis, se tornariam daí em diante um embaraço ao ulterior progresso moral, uma causa permamente de perturbação para a tranquilidade e a felicidade dos bons, pelo qeu são excluídos da humanidade a que até então pertenceram e tangidos para mundos menos adiantados, onde aplicarão a inteligência e a intuição dos conhecimentos que adquiriram ao progresso daqueles entre os quais passam a viver, aos mesmo tempo que expiarão, por uma série de existências penosas e por meio de árduo trabalho, suas passadas faltas e seu voluntário endurecimento. ALLAN KARDEC
ANJO DAS TREVAS (...) possui, como parte de sua natureza, um misto saber, de bondade e de maldade. Ele aí se conserva, em primeiro lugar, por causa de sua maldade, que o torna incapaz de habitar uma região de luz. Também aí se acha porque, podendo progredir, se quisesse, não o deseja por enquanto; e isso, em parte, porque ainda odeia a luz; julga que os que se aventuram a subir, na terrível ladeira, erram, visto como as dores e as agonias são mais agudas em razão do contraste entre a luz e a escuridão. G. VALE OWEN
ANJO DA GUARDA (...) Todos temos, ligado a nós, desde o nosso nascimento, um Espírito bom, que nos tomou sob a sua proteção. Desempenha, junto de nós, a missão de um pai para com o seu filho: a de nos conduzir pelo caminho do bem e do progresso, através das provações da vida(...) Deus, em o nosso anjo guardião, nos deus um guia principal e superior e, nos Espíritos protetores e familiares, guias secundários. (...) ALLAN KARDEC
ANJO NOVO É a benção de Deus que se refaz na bênção das horas. FRANCISCO C. XAVIER
ANONIMATO Trabalhadores de Deus desejamos ser e o seremos toda vez que apagamos o nosso nome na glória suprema do anonimato, para que o nosso trabalho seja de Deus, que faz germinar a semente e crescer a árvore, e não nosso, que apenas confiamos a semente ao solo. Somos portadores da mensagem, não seus criadores, porque nem homens nem espíritos criam; apenas descobrem aquilo que o Pai criou. HERMÍNIO C. MIRANDA
ANSIEDADE A ansiedade é inimiga do trabalho frutuoso. EMMANUEL
ANTICRISTO Podemos simbolizar como Anticristo o conjunto das forças que operam contra o Evangelho, na Terra e nas esferas vizinhas do homem, mas, não devemos figurar nesse Anticristo um poder absoluto e definitivo que pudesse neutralizar a ação de Jesus, porquanto, com tal suposição, negaríamos a previdência e a bondade infinita de Deus. EMMANUEL
ANTIGO TESTAMENTO

O Velho Testamento é a história da preparação do mundo para o advento do cristo. Antonio L. Sayão

No quadro de valores da educação religiosa, na civilização cristã, o Velho Testamento, apesar de suas expressões altamente simbólicas, poucas vezes acessíveis ao raciocínio comum, deve ser considerado como a pedra angular, ou como a fonte-máter da revelação divina. EMMANUEL

ANTIPATIA A antipatia é delituosa displicência. FRANCISCO C. XAVIER
APARIÇÃO As aparições propriamente ditas se dão quando o vidente se acha em estado de vigília e no gozo da plena e inteira liberdade das suas faculdades. Apresentam-se, em geral, sob uma forma vaporosa e diáfana, às vezes vaga e imprecisa. a princípio é, quase sempre, uma claridade esbranquiçada, cujos contornos pouco a pouco se vão desenhando. Doutras vezes, as formas se mostram nitidamente acentuadas, distinguindo-se os menores traços da fisionomia, a ponto de se tornar possível fazer-se da aparição uma descrição completa. os ademanes o aspecto, são semelhantes aos que tinha o Espírito quando vivo. ALLAN KARDEC
APARIÇÃO CORPORAL "Se a aparição corporal é limitada para alguns Espíritos, podemos dizer que, em princípio, ela é variável e pode persistir por tempo mais ou menos longo; que ela pode produzir-se sempre e qualquer hora.Ismael G.Braga
APARIÇÃO DE DEFUNTOS NO LEITO DE MORTE (...) Geralmente é o moribundo que vê, em torno de si, pessoas já falecidas. O fenômeno também pode ser visto por pessoas presentes ou, concomitantemente, pelos vivos e pelos moribundos. É ele uam das provas patentes da sobrevivência. CARLOS IMBASSAHY
APARIÇÃO TANGÍVEL (...) Em alguns casos, finalmente, e sob o império de certas circunstâncias, a tangibilidade pode se tornar real, isto é, possível se torna ao observador tocar, apalpar, sentir, na aparição, a mesma resistência, o mesmo calor que num corpo vivo, o que não impede que a tangibilidade se desvaneça com a rapidez do relâmpago. Nesses casos, já não é somente com o olhar que se nota a presença do Espírito, mas também pelo sentido tátil. A.K.
APERFEIÇOAMENTO O aperfeiçoamento moral do homem (...) É o pré-requisito da renovação social, política e jurídica das sociedades, uma vez se tornará crença geral na universalidade dos homens. NEY LOBO
APOCALIPSE (...) o último dos belos volumes de que se compõe o Novo Testamento de Jesus Cristo, obra essencialmente mediúnica não muito clara à compreensão vulgar, em virtude de sua feição esotérica e das dificuldades com que o Divino Mestre, ou um dos seus agentes, teria lutado para tentar transmitir o transcendentalismo profético servindo-se do vocabulário e das imagens da época, bem mais deficientes do que as atuais, como foi o caso, por exemplo, para descrever a aviação moderna, tão claramente ali revelada, não obstante a deficiência das imagens. YVONNE A. PEREIRA
APOLINARISMO (...) Doutrina criada por Apolinário, bispo de Laodicéia, por volta de 350, negando a existência de uma mente humana em Jesus Cristo, etc. MANUEL QUINTÃO
APOSTULADO DAS MÃES O apostolado das mães é o serviço silencioso com o Céu, em que apenas a Sabedoria Divina pode ajuizar com exatidão. Fco. C. Xavier
APÓSTOLO Os apóstolos, porém, são os condutores do espírito. Emmanuel
APRENDER

Aprender é conquistar novos horizontes. Emmanuel

Aprender sempre para melhor conhecer e servir é a destinação de quem se consagra fielmente ao Mestre Divino.

APRENDIZ O aprendiz de Jesus, que ama e auxilia, esclarece e perdoa, guardando a visão da eternidade, é a garantia da regeneração do mundo. Fco.C. Xavier
APRENDIZAGEM Diante do fato de que o corpo físico que o Espírito recebe para uma nova vida lhe oferece a chance de recomeço, poder-se-ia, então, considerar válido o processo preconizado pelo behaviorismo, tendo em vista o que o córtex cerebral está "em branco" no início da vida? A resposta mais coerente é não, porque, como já constatamos, a aprendizagem resulta de uma síntese em que é preciso considerar dois elementos: a ação exterior e reação interior. A ação exterior é, portanto, apenas uma parte do processo, a outra parte, a interior, depende dos arquivos perisperituais do indivíduo reencarnado e isso não é acessível a uma observação superficial, dificultando qualquer previsão que possa apoiar a ação subsequente do educador, ainda mais considerando-se que os resultados do processo não são imediatos, podendo repercutir muito mais tarde, sem que se possa estabelecer uma ligação muito clara de causalidade entre a ação do educador e a reação do educando. Dalva Silva Souza
APRIMORAMENTO O aprimoramento íntimo é obra de auto-educação, reclamando, entre outros recursos, o tempo e a virtude da perseverança. Juvanir Borges de Souza
AR Nunca invejes a cidade. Tanta vez desiludida... O ar doce e puro do campo. É a santa essência da vida. Fco.C.X,
ARADO O arado é aparelho de todos os tempos. É pesado, demanda esforço da colaboração entre o homem e a máquina provoca suor e cuidado e, sobretudo, fere a terra para que produza. Constrói o berço das sementeiras.Emmanuel
ARCO-ÍRIS O arco que se forma nas nuvens e a que dais o nome de arco-íris, arco que Deus, por intermédio de Moisés, seu enviado, indicou aos hebreus como sendo "o sinal da alinça perpétua entre ele e todas as criaturas vivas da terra", é em espírito e verdade, tirado da letra, que o vela, o espírito: o emblema - do progresso, dentro da unidade e da solidariedade, de todos os mundos e de todas as essências espirituais em todos os reinos da natureza, quer materializadas, quer encarnadas no estado material ou no estado fluídico, quer perispiriticamente incorporadas, quer errantes na imensidade; é o emblema da marcha ascendente, una e solidária, de todos os mundos e de todas as essências espirituais a todos os graus da escala. J. B. Roustaing
ARISTOCRACIA Aristocracia vem do grego "aristos", o melhor e "kratos", poder. Aristocracia, pois, em sua acepção literal, significa: poder dos melhores. Allan Kardec
ARQUÉTIPO

(...) São os arquétipos, reminiscências de caráter genérico que remontam a fases muito primitivas da evolução.Jayme Cirviño

Os arquétipos, "les éternels incréés" de Bergson, seriam imagens de energias psíquicas a se manifestarem na zona consciente como uma necessidade de expansão.Jorge Andreas do Santos

ARREPENDIMENTO

O arrependimento não é a remissão total da dívida, é a faculdade, o caminho apra redimí-la. E é nisso que consiste segundo o código de Kardec, o perdão do Senhor. Carlos Imbassahy

(...) é apenas a preliminar indispensável à reabilitação, mas não é bastante para libertar o culpado de todas as penas. Allan Kardec

ARTE

A arte pura é a mais elevada contemplação espiritual por parte das criaturas. Ela signifca a mais profunda exteriorização do ideal, a divina manifestação desse "mais além" que polariza as esperanças da alma. Emmanuel

"A concepção instrumental do tipo ético é a que compreende a arte como instrumento de elevação moral. Nazareno Tourinho

ARTISTA O artista verdadeiro é sempre o "médium" das belezas eternas e o seu trabalho, em todos os tempos, foi tanger as cordas mais vibráteis do sentimento humano, alçando-o da Terra para o infinito e abrindo, em todos os caminhos, a ânsia dos corações para Deus, nas suas manifestações supremas de beleza, de sabedoria, de paz e de amor.Emm.
ÁRVORE A árvore é doadora constante de utilidade e benefícios. Seu trabalho não se circunscreve ao plano visível. Movimentando todas as suas possibilidades, a árvore preciosa esforça-se e respira, para que as criaturas respirem melhor, em atmosfera mais pura. Humberto de Campos
ÁRVORE DO ESPIRITISMO Por "Árvore do Espiritismo" simbolizamos aquela aludida no contexto das Revelações, sem demasiado apego à letra, na variedade de maneiras com que o Alto vem exprimindo a idéia central do foco ou núcleo irradiador dos ensinos superiores de natureza espiritual e moral, Jesus referiu-se a "o reino de Deus" (Mateus, 21:43), em palavras fortes; o Espírito da Verdade, em reunião pública da Federação Espírita Brasileira, em 1920, reportou-se à "Àrvore do Evangelho", expressão que posteriormente Humberto de Campos também usaria no seu livro,
ÁRVORE QUE NÃO DÁ BONS FRUTOS A árvore que não dá bons frutos é o Espírito encarnado que sucumbe nas provas. J. B Roustaing
ASCENSÃO

A ascensão é sempre trabalho individual, de sacrifício, de incomparável renunciação, que todos nos devemos impor. Divaldo P. Franco

(..) A Ascensão é simbolicamente; a obra acabada. Willim S.Moses

ASSEMBLÉIA (...) Uma assembléia é um foco de irradiação de pensamentos diversos. É como uma orquestra, um coro de pensamentos diversos. É como uma orquestra, um coro de pensamentos, onde cada um emite uma nota. Resulta daí uma multiplicidade de correntes e de eflúvios, cuja impressão cada um recebe pelo sentido espiritual, como num coro musical cada um recebe a impressão dos sons pelo sentido da audição.Allan Kardec
ASSISTÊNCIA SOCIAL A assistência social é a fraternidade em ação. Sem ela, indiscultivelmente, os nossos mais preciosos arrazoados verbalísticos não passariam de belos mostruários sonoros. Fco. C. Xavier
ASSOCIAÇÃO (...) Onde há pensamentos, há correntes mentais e onde há correntes mentais existe associação. E toda a associação é interdependência e influenciação recíproca. Daí concluimos quanto à necessidade de vida nobre, a fim de atrairmos pensamentos que nos enobreçam. (..) André Luiz
ASSOCIAÇÃO DE IDÉIAS Sabemos que as associações de idéias não têm causa nas células nervosas, constituindo antes ações espontâneas do espírito dentro do vasto mecanismo circunstancial; ações essas, oriundas do seu esforço incessante, projetadas através do cérebro material, que não é mais que um instrumento passivo. Emmanuel
ASTRAL

"O astral é, segundo Stanislas de Guaita, o suporte hiperfísico do mundo sensível; o virtual indefinido de que os seres corporais são, no plano inferior, as manifestações objetivas.(..) Albert de Rochas

(...) laço físico, embora parcialmente imaterial, que liga o mundo material ou físico ao mundo invisível ou espiritual.

ASTRO (...) Astros são famílias d emundos viajando na amplidão cósmica, em obediência às leis da mecânica celeste.M.P.
ATEÍSMO (...) A negação do Amor e da paternidade de Deus (...) É o envenenamento da própria natureza e da razão de ser do nosso Espírito interior da vida, do Santuário do Espírito de Deus.(...) G. Vale Owen
ATENÇÃO De fundamental importância para a aquisição dos estados mais elevados de consciência, bem como para as altas produções artísticas, intelectuais ou mesmo para os fenômenos mediúnicos é a atenção. Através dela a mente concentra a sua atividade psíquica sobre o objeto que a solicita, seja esse uma sensação, uma percepção, uma representação, um afeto, um desejo, etc.. Muitos autores não a consideram uma atividade psíquica autônoma, sendo determinada pelo interesse, pela motivação ou pela deliberação consciente. Segundo Paim, a atenção, a concentração, a consciência, a distração e a subconsciência estão estreitamente relacionadas. Sem a atenção, a atividade psíquica se processaria como num sonho vago e difuso, como no delírio oniróide ou nos estados crespusculares da consciência. Leopoldo Balduino
ATENDIMENTO FRATERNO (...) o aspecto principal de sua tarefa (trabalhador do Centro Espírita) é o de ouvir e orientar, carinhosamente, as pessoas que procuram o Centro Espírita em busca de lenitivos para suas dores e necessidades.(..) F.E.B
ATEU Ateu - enfermo que sonha. Na ilusão em que persiste. Um filho que tem vergonha. De dizer que o pai existe.F.C.X
ATITUDE Cada atitude é uma causa. F.C.Xavier
ATIVIDADE ESPIRITUAL (..) A atividade espiritual legítima é aquela que "enriquece e eleva a mente, conduzindo-a a um conhecimento superior, à mais ampla compreensão da verdade divina". Herminio C. Miranda
ATIVIDADE MENTAL (...) existem três compartimentos distintos na atividade mental: a consciência, a pré-consciência e a inconsciência. A primeira corresponde ao estado normal de vigília contendo pensamentos e sensações que nos ocupam no momento presente. A segunda área abrange o conhecimento acumulado na memória e que pode ser, com relativa facilidade, trazido ao consciente; o terceiro compartimento, que mais de perto interessa ao psiquiatra - é o inconsciente, onde se acham arquivadas as memórias de acesso em mais difícil. Herminio C. Miranda
ATMOSFERA ESPIRITUAL DA TERRA (...) Os fluidos mais próximos da materialidade, os menos puros, conseguintemente, compõem o que se pode chamar a atmosfera espiritual da Terra (...) Allan Kardec
ATOS (...) São sempre os atos, os agentes da realidade de cada Espírito, na Terra ou fora dela. Manoel P.Miranda
ATRIBUTOS DA ALMA Tais "Potências", ou forças, são segundo sabemos até o momento (...) e conforme denominação da Psicologia moderna, as "funções conscienciais", que poderemos agrupar em quatro categorias básicas a saber: funções intelectivas, funçes sensoriais, funções afetivo-emocionais e funções perceptívas, das quais se salientam, então, a memória, a Razão, o Discernimento, a Atenção, o Pensamento, a Vontade, o Sentimento, a Imaginação.Yvonne A.
AULAS DE EVANGELIZAÇÃO ESPÍRITA Frequentar as aulas de evangelização espírita é realizar, de forma sequencial, um bom aprendizado da Doutrina Espírita, em primeiro lugar e, em segundo, participar de experiências de aprendizagem capazes de levar à vivência dos conhecimentos adquiridos.
AURA

Com as compreensíveis vibrações e irradiações do psiquismo que transcendem as fronteiras do corpo físico, observa-se a existência de um verdadeiro campo de difusão de energias, conhecido pelo nome de Aura. A aura seria o resultado da difusão dos campos energéticos que partem do perispírito, envolvendo-se com o duplo etérico e o manancial de irradiações das células físicas. Jorge Andrea dos Santos

A aura, na espécie humana, reflete os diversos estados de consciência que o ser pode apresentar, desde os graus instintivos mais primitivos até os vôos mais expressivos do altruísmo(...) A aura é um campo biológico bem estruturado, não apresentando um sistema desordenado de emissões e recepções. Jorge A.. dos Santos

Assim é que o halo vital ou aura de cada criatura permanece tecido de correntes atômicas sutis dos pensamentos que lhe são próprios ou habituais, dentro de normas que correspondem à lei dos "quanta de energia" e aos princípios da mecânica ondulatória que lhes imprimem frequência e cor peculiares. Essas forças, em constantes movimentos sincrônicos ou estado de agitação pelos impulsos de vontade, estabelecem para cada pessoa uma onda mental própria. André Luiz

AUTENTICIDADE (...) É o resultado da soma algébrica das qualidades e das imperfeições do ser reencarnados que desemboca no estuário de determinada existência física a partir da idade axial. É a sua mais profunda intimidade anímica. É o conteúdo do seu perispírito(...) Ney Lobo
AUTO-DE-FÉ (...) O auto-de-fé teve lugar em Barcelona, Espanha, a 9/10/1861, quando foram queimados em praça pública 300 volumes de obras e opúculos espíritas - tremendo atentado que comoveu a opinião pública da cidade, do país e do mundo. Manoel P. de Miranda
AUTO-EDUCAÇÃO

A auto-educação é, com seus componentes, esforço pessoal, mérito próprio, trabalho individual, o longo caminho perlustrado pelo Espírito em sua romagem apra a perfeição, o puro Espírito, fim supremo subjetivo da educação espírita. Por ela, compreende-se e justifica-se perante Deus a fruição da felicidade integral daqueles Espíritos: o seu irrecusável mérito moral. Ney Lobo

A auto-educação consiste em adquirir valores novos e inventariar os existentes, aperfeiçoando sempre(...) a auto-educação é um processo de busca da perfeição.(..) Juvanir B.de Souza

AUTO-HEREDITARIEDADE (..) o legado do Espírito para si mesmo, chegado de outras encarnações dele. Ney Lobo
AUTO-OBSESSÃO "O homem não raramente é o obsessor de si mesmo". (..) Alguns estados doentios e certas aberrações que se lançam à conta de uma causa oculta, derivam do Espirito do próprio indivíduo." Suely C. Schubert
AUTO-SUGESTÃO (..) auto-sugestão, ou sugestão por si mesmo, (...) pode ser voluntária e consciente, como quando se formula em plena vigília e em condições normais de saúde, ou então involuntária e inconsciente, quando se estabelece no sonho durante o sono, ou no meio de um delírio mórbido, ou sob a influência de ilusões ou alucinações mais ou menos transitórias.José Lapponi
AUTODESOBESSÃO Autodesobsessão: ato de promover a própria pessoa a sua desobsessão, através da reforma íntima, tal como esclarece a Doutrina Espírita. Autodesobsessão, sinônimo de auto-evangelização, de auto-reforma. É o ser humano lutando para dominar as suas más tendências e inclinações. Suely C. Schubert
AUTODIDATISMO Autodidata, como ensinam os dicionários, é aquele que aprende por si mesmo, sem mestre e sem escola (...)(..) Vamos considerar, porém, o autodidatismo perante a reencarnação. Há dois tipos de autodidatas: o que estuda sem professor, mas tem método, escolhe boas fontes, faz uma cultura sistematizada e, por isso, vai muito longe; e o outro tipo do autodidata, que lê a esmo, sem método, e não se fixa em qualquer assunto, não tem propriamente uma linha intelectual bem definida. Mas ainda podemos apontar um tipo especial de autodidata, a essa interessa muito ao ponto de vista reencarnacionista. É o caso das pessoas que se recordam prontamente de assuntos que lhes eram de todo estranhos, nesta existência. A recordação tanto pode ocorrer ns letras como nas matemáticas e até no campo restrito de algumas ciências. O indivíduo abre um tratado pela primeira vez e, sem explicador, sem formação regular, acha tudo fácil, como se já soubesse a matéria. Descobre a sua vocação para o assunto e, em pouco tempo, domina o terreno por si mesmo, sem frequentar escola. Deolindo Amorim
AUTODISCIPLINA A autodisciplina compreende, pois, a consciência de que o aprendiz é um Espírito imperfeito, sujeito a erros. O importante é o propósito de recomeçar sempre que ocorrer falha. Ela é, sobretudo, o permanente antídoto contrao "desculpismo" a respeito de nossas fraquezas, nas horas dos testemunhos e das experiências marcantes.Juvanir B.
AUTOLIBERTAÇÃO (...) a autolibertação é um longo caminhar em direção ao Bem, no curso do qual há muito que aprender, Juvanir B.
AUTOMATISMO Entendemos por dissociação ou automatismo o fato de uma área mais ou menos extensa do cérebro agir desvinculada da consciência "normal".(..) Jayme Cerviño
AUTOMATISMO FISIOLÓGICO (...) possibilita ao princípio inteligente executar todos os atos primários de manutenção, preservação e renovação da própria vida. André Luiz
AUTOMELHORIA O homem, para renovar-se, tem que estabelecer um programa tríplice, como ponto de partida para a sua realização íntima, para que "brilhe a sua luz" baseado no Estudo, na Meditação e no Trabalho. Martins Peralva
AUTOPASSE Ao iniciar e ao concluir a aplicação de passes, é importantíssimo que o passista proceda à limpeza do seu próprio envoltório fluidíco, através do que se costuma chamar autopasse. O autopasse inicial tem o objetivo de retirar componentes fluidícos inadequados que se tenham agregado ao organismo do passista, em virtude das sua atividades anteriores. No final, o autopasse, visa a libertar o passista de fluidos que tenha, indvertidamente, captado dos pacientes. O autopasse é muito simples e pode ser realizado sem a necressidade de qualquer movimento, bastando ao passista mentalizar firmemente o deslocamento dos fluidos inconvenientes. Deve-se partir da região superior do corpo, imaginando-se que os fluidos prejudiciais vão-se deslocando progressivamente para baixo, à proporção que vão sendo empurrados mentamente, até "sairem" pelas extremidades inferiores do corpo. Para concluir o autopasse, deve o passista estabelecer uma ligação mental (magnética) com as regiões vibratórias superiores e imaginar que está sendo banhado por uma luminosidade suave que vai envolvendo-o progressivamente até atingir os pés. O passista deve manter-se por alguns momentos dentro desse verdadeiro "banho restaurador" deixando que essas vibrações superiores restabeleçam seu equilíbrio e harmonia funcional. Luiz C.de Gurgel
AUTORIDADE A autoridade (...) é uma delegação de que terá de prestar contas aquele que se ache dela investido(..) Deus confere a autoridade a título de missão, ou de prova, quando o entende, e a retira quando julga conveniente.Allan Kardec
AUTOSCOPIA OU HETEROSCOPIA (..) desdobramento apenas esboçado em que a pessoa percebe o seu próprio fantasma a distância, continuando embora a guardar integral a própria consciência. (..) Ernesto Bozzano
AUXÍLIO

Os auxílios fraternais são as mãos do amor modificando a paisagem da aflição. Joanna de Ângelis

Auxiliar espontaneamente é refletir a Vida Divina por intermédio da vida de nosso "eu", que se dilata e engrandece à proporção que nos desdobramos no impulso de auxiliar. Emmanuel

AVAREZA

A avareza, ou seja, o apego exagerado aos bens materiais terrenos, é um resquício de animalidade que o homem, malgrado séculos e séculos de civilização, ainda não conseguiu vencer. Rodolfo Calligaris

Avareza é a paixão que se apodera do infeliz cuja única preocupação consiste em acumular riquezas.Antonio L.S.

AVERSÃO Não cultives desafetos. Aversão é calamidade vibratória. Espirito da Verdade
AZEDUME (...) é clima de enfermidade (...) André Luiz