L
LABORATÓRIO O laboratório é uma nascente de respostas seguras para milenárias indagações. Fco. C. Xavier
LAÇOS DE SANGUE Os laços de sangue são uma contingência de momento; rompem-se com a morte. São apenas um meio para atingir um fim; a ligação espiritual, indestrutível, eterna. Pedro de C. Vinícius
LÁGRIMA (...) As lágrimas são átomos da nossa própria alma, quando a dilacera a dor. Victor Hugo
LAMENTAÇÃO Lamentação contumaz é ociosidade ou resistência destrutiva. Emmanuel
LAR É preciso se reconheça que o lar não é um estabelecimento destinado a reproduzir seres humanos em série, mas sim um santuário-escola, onde os pais devem pontificar como plasmadores de nobres caracteres, incutindo nos filhos, a par do amor a Deus, uma vivência sadia, pautada nos princípios da Moral e da Justiça, de modo que se tornem elementos úteis a si mesmos, à família e à sociedade. Rodolfo Calligaris
LARVA Larvas: alimento mental das entidades infelizes, formado pelas nossas criações inferiores.Martins Peralva
LAVA-PÉS Conhecendo sua origem superior, quis Jesus, praticando o ato simbólico de lavar os pés a seus apóstolos, dar aos homens, aos quais chama seus irmãos, o exemplo da humildade e da renúncia. Foi para isso que, assemelhando-se a um escravo, desempenhou aquela função, privativa dos escravos. (..) A lavagem dos pés simbolizava também a maneira por que os discípulos deviam percorrer o novo caminho em que iam entrar, depois de lhes haver o Mestre limpado os pés de todas as sujidades de que o caminho velho os cobrira. JBR
LEALDADE (...) Ter lealdade é ser amigo dedicado a outro ente, incapaz de o ludibriar; é ser infenso à traição - um dos mais condenáveis delitos morais. Victor Hugo
LEGIÃO Estas associações de Espíritos denominadas legiões presidem à formação dos mundos, como às transformações da Humanidade; sustentam e dirigem os missionários e influenciam de passagem, a inteligência dos mortais (...) Antoniette Bourdin
LEI A lei é conjunto eterno. De deveres fraternais; Os anjos cuidam dos homens. Os homens dos animais.C.Cunha
LEI ÁUREA "Fazer aos outros que gostaríamos que fizessem a nós. Martins eralva
LEI CIVIL (...) tem por fim regular as relações sociais e os interesses das famílias, de acordo com as exigências da civilização; por isso, é útil, necessária, mas variável (...) Allan Kardec
LEI DA GENÉTICA As leis da genética encontram-se presididas por numerosos agentes psíquicos que a ciência da Terra está longe de formular, dentro dos seus postulados materialistas. Esses agentes psíquicos, muitas vezes, são movimentados pelos mensageiros do plano espiritual, encarregados dessa ou daquela missão junto às correntes da profunda fonte da vida. Emmanuel
LEI DE AÇÃO E REAÇÃO (...) para cada ação (...) há uma reação igual em sentido contrário. É a lei de causa e efeito ou do carma. HM
LEI DE ADAPTAÇÃO É aquela (..) em virtude da qual os habitantes do Além se transportam, ou melhor, são sucessivamente atraídos para Regiões do espaço, ou para os modos de existência que lhes assinam seus méritos e seus corpos fluídicos (..) Paul Bodier
LEI DE AFINIDADE OU DE SIMPATIA (..) Lei pela qual a solidariedade entre as partes evolucionárias é tão mais ativa e potente quanto mais aproximadas por sua fase e seu nível de evolução o forem essas partes. Gustave Geley
LEI DE AMOR

(..) A soberana Lei de Amor é a força capaz de modificar a estrutura da vida e penetrar na furna odienta do "eu" atormentado para felicitá-lo (..) (..) É a manifestação de Deus na sua expressão mais pura. Manoel P.M.

LEI DE ATRAÇÃO

"Amai-vos uns aos outros, eis toda a lei, lei divina, mediante a qual governa Deus os mundos. O amor é a lei de atração para os seres vivos e organizados. A atração é a lei de amor para a matéria inorgânica (..) Allan K

A lei da atração é a saudade em movimento. Equilibram-se os mundos na imensidade, buscando-se mutua-mente e ainda, na esfera das coisas pequeninas, vemos as plantas enlaçando-se umas às outras, agasalhando-se na Terra. Francisco C. Xavier

LEI DE CAUSA E EFEITO (..) Por meio da pluralidade das existências, ele (o Espiritismo) ensina que os males e aflições da vida são muitas vezes expiações do passado, bem como que sofremos na vida presente as consequências das faltas que cometemos em existência anterior, e, assim, até que tenhamos pago a dívida de nossas imperfeições, pois que as existências são solidárias umas com as outras. Allan Kardec
LEI DE CONSERVAÇÃO

(..) em virtude da qual os habitantes do Além guardam todos os traços essenciais e característicos de identi-dade intelectual, sentimental, moral até mesmo fisica, suas formas, seus caracteres, suas afeições, suas idéias (...) Paul Bodier

LEI DE CONSERVAÇÃO DA ENERGIA "Assim como na natureza não há, jamais, perda de energia cósmica, mas apenas, transformação incessante, assim também nada se perde do que abala o espírito humano. É a lei da conservação da energia. Gabriel D.
LEI DE DESTRUIÇÃO "Preciso é que tudo se destrua para renascer e se regenerar. Porque o que chamais destruição não passa de uma transformação que tem por fim a renovação e melhoria dos seres vivos. Allan Kardec
LEI DA EVOLUÇÃO Todos os seres e coisas do Universo estão sujeitos à lei de evolução, porque todos têm a capacidade intrínse ca de assimilar, acumular, armazenar, aprender, desenvolver-se, crescer, progredir e aperfeiçoar-se com as Leis Divinas, na sucessividade das experiências nos milênios, tanto na vida física, como na vida espiritual, mas sim, conquistado por evolução, ou seja, todo ser vivo deverá sempre executar algum trabalho, a fim de memorizar, aprender, repetir quantas vezes necessárias e desenvolver-se (..) Waler Barcelos
LEI DE LIBERDADE (..) funciona para os homens, dentro dos limites que se lhes fazem necessários, a fim de que, exercendo-a, aprendam a ser livres e não libertinos; independentes, sem prepotência; liberais, mas não permissivos (..) Manoel P. Miranda
LEI DE MOISÉS Há duas partes distintas na lei de Moisés: a lei de Deus propriamente dita, promulgada sobre o Sinai, e a lei civil ou disciplinar, apropriada aos costumes e caráter do povo. Uma dessas leis é invariável, ao passo que a outra se modifica com o tempo. (..) Allan Kardec
LEI DE PROGRESSO (..) a todos propele para o superior e para a liberdade (..) Manoel P. Miranda
LEI DA REPRODUÇÃO (..) Aí está o direito natural de procriação (..) e de matrimônio e de constituição de família (..) Ney Lobo
LEI DA SOLIDARIEDADE (..) solidária evolução de todas as partes constituintes de um universo. Essas partes - as mais diversas, como as mais afastadas - só podem evolver umas com as outras e umas pelas outras. Gustave Geley
LEI DIVINA "As Leis Divinas são de justiça, indubitavelmente; no entanto, são também de amor e misericórdia. O Senhor não deseja a punição do infrator, antes quer o seu reajuste à ordem, ao dever, para a sua própria felicidade Walter Francini
LEI DO CAMPO MENTAL (..) a lei do Campo Mental, que rege a moradia energética do Espírito, segundo a qual a criatura consciente, seja onde for no Universo, apenas assimilirá as influências a que se afeiçoe. André Luiz
LEI DO ESFORÇO A lei do esforço: Segundo essa lei, todo ser chegado a um rudimento de sensibilidade e de consciência deve contribuir ativamente para o progresso evolutivo. Seu desenvolvimento pede esforços perpétuos e inumerá- veis, os quais constituem o próprio mérito desse desenvolvimento. Gustave Geley
LEI DO TRABALHO

(..) é a lei da vida. Amália D. Sóler

O trabalho é das maiores bênçãos de Deus no campo das horas. Em suas dádivas de realização para o bem, o triste se reconforta, o ignorante aprende, o doente se refaz, o criminoso se regenera. Irmão Jacob

LEI FUNDAMENTAL DOS FLUIDOS (..) Em "A Gênese" cap. 14 vamos encontrar: "Os fluidos se unem em razão da semelhança de sua natureza; os fluidos dissemelhantes se repelem; há incompatibilidade entre os bons e os maus fluidos, como entre o azeite e a água". Assim, em outras palavras, podemos dizer que: Fluidos do mesmo tipo se atraem e fluidos de tipos opostos se repelem. A esta assertiva passaremos a denominar Lei Fundamental dos Fluidos". A.K.
LEI MORAL (..) Lei moral, no entendimento espírita, é a que precide aos atos de nossa consciência. É uma colocação subjetiva, poderão objetar. Mas a lei moral, diferentemente da lei escrita, não se subordina às limitações de tempo e de espaço. É, como se sabe, uma das idéias fundamentais da Doutrina. A lei escrita tem um sentido histórico e, por isso mesmo, sofre alterações de época para época, na medida em que se alteram os costumes, as concepções de vida, os padrões sociais, etc.. ao passo que a lei moral persiste, justamente porque sua instância não é visível, não se configura no espaço social ou geográfico, está no foro íntimo, é inerente à responsabilidade intransferível. Deolindo Amorim
LEI NATURAL

(..) A Lei Natural é o conjunto de coisas a fazer ou a não fazer, que daí derivam de modo necessário (..) A Lei Natural trata dos direitos e dos deveres que estão ligados de modo necessário ao primeiro princípio: "Fazei o bem e evita o mal" (..) Só quando o Evangelho tiver penetrado as próprias profundezas da substân-cia humana é que a Lei Natural aparecerá em sua flor e em sua perfeição. (..) Ney Lobo

LEITURA (..) é a fonte de nossa vida espiritual (..) MeiMei
LETARGIA A letargia e a catalepsia derivam do mesmo princípio, que é a perda temporária da sensibilidade e do movi-mento, por uma causa fisiológica ainda inexplicada. Diferem uma da outra em que, na letargia, a suspensão das forças vitais é geral e dá ao corpo todas as aparências da morte; na catalepsia, fica localizada, podendo atingir uma parte mais ou menos extensa do corpo, de sorte a permitir que a inteligência se manifeste livremen te, o que a torna inconfundível com a morte. A letargia é sempre natural; a catalepsia é por vezes magnética. Allan Kardec
LETARGIA LÚCIDA (..) a atividade psíquica interna se desenvolve como de ordinário: o paciente tudo percebe e compreende, mas se encontra na impossibilidade absoluta de significar aos outros o que sente no seu imo. Por motivo de atividade psíquica, conservada durante as condições indicadas, a esta variedade de letargo se dá o nome de letargia lúcida. José Lapponi
LEVITA (..) Termo empregado com o sentido de adeptos com exagerados zelos pela letra, em desfavor dos cuidados devidos ao espírito das Escrituras ou de alguma obra em debate. Escrupulários, isto é, aqueles que se deixam prender por escrúpulos excessivos. Manuel Quintão
LEVITAÇÃO Quando uma mesa se ergue no ar ou acontece o mesmo a um médium, tem-se o fenômeno da levitação.(..) Alfred Erny . "A levitação no ar, postergando a lei da gravitação, afirmada pela ciência moderna, é unicamente explicável pela teoria da atração e da repulsão universal (..) Albert de Rochas
LEVÍTICO Palpando e sentindo a fereza dos instintos do homem, Moisés escreveu o Levítico, como a porta de um grande dique capaz de conter a onda invasora das suas maldades, que levariam os seus Espíritos ao fundo dos mais tremendos abismos de perdição. Eram leis apropriadas ao meio em que ele agia como juiz, como diretor de um exército de Espíritos caídos da pureza, da inocência de onde tinham partido.Fco.L.B.Sampaio
LIBERDADE

A liberdade é o respeito às leis, da parte de uns, a doçura e a justiça da parte dos outros e, da parte de todos, amparo e apoio recíprocos. J. B. Roustaing

(..) a verdadeira liberdade, para o Espírito, consiste no rompimento dos laços que o prendem ao corpo.(..) Allan Kardec

LIBERDADE E CONSCIÊNCIA (..) é um dos caracteres da verdadeira civilização e do progresso. Allan Kardec
LIBERDADE DE ENSINO (..) entendemos como a ausência de impedimentos legais ou sociais para os educadores, pedagogos, e a escola como um todo (a família, as organizações religiosas e filosóficas), educarem de acordo com suas convicções pessoais ou com a filosofia de vida adotada (...) Ney Lobo
LIBERDADE DE PENSAR (..) é um dos atributos do homem (..) Allan Kardec
LIBERDADE INTERIOR (..) é o poder de fazer o que se deve, pelo império do Espírito ou da razão sobre as paixões e inclinações inferiores (..) equivale a uma progressiva conquista do Espírito que vai, a duras penas, preenchendo de perfeições os seus vazios estruturais na mesma proporção, e, assim, submetendo essas imperfeições a um certo poder de contenção dos elementos espirituais já assentados (perfeições). Ney Lobo
LIBERDADE, IGUALDADE, FRATERNIDADE (..) Estas três palavras constituem, por si sós, o programa de toda uma ordem social que realizaria o mais absoluto progresso da Humanidade, se os princípios que elas exprimem pudessem receber integral aplicação (...) Allan Kardec
LIBERTAÇÃO

(..) meta principal de todos nós. Escopo final do homem, que aspira a ser livre para sempre.Suely C.Schubert

Libertar-se significa também conhecer, beneficiar-se com a verdade. Juvanir B. de Souza

LICANTROPIA (...) é o fenômeno pelo qual Espíritos "pervertidos no crime" atuam sobre antigos comparsas, encarnados ou desencarnados, fazendo-os assumir atitudes idênticas às de certos animais Martins Peralva
LICANTROPIA AGRESSIVA (..) se expressa através da violência, da alucinação e, até, do crime. Martins Peralva
LICANTROPIA DEFORMANTE (..) a pessoa imita "costumes", posições e atitudes de animais diversos (..) Martins Peralva
LIDERAR (..) é coordenar esforços, não impor condições (..) Herminio Miranda
LIMITAÇÃO (..) limitações, repulsas, frustrações, agressividades e psicoses, constituem impositivos constritores ou restriti-vos - não poucas vezes dolorosos - de que se utilizam a Leis Divinas para corrigir e desciplinar o rebelde que apesar da manifestação física em período infantil, é espírito relapso, mais de uma vez acumpliciado com o erro, a ele fortemente vinculado, em fracassos morais sucesssivos. Joanna Di Ângelis
LIMPEZA (..) Após a absorção de fluidos de teor vibratório diferente, caracterizados pela densidade material que tipifica este gênero de trabalho (socorro espiritual), vêm os Espíritos Protetores liberar os médiuns e renová-los sob a ação de diversas cargas de energia, permitindo-lhes o bem-estar e a satisfação do serviço realizado. Aplicando-se o auto-passe eram retiradas as cargas fluídicas perniciosas, enquanto outras, de qualidades superior, vitalizavam os cooperadores encarnados. Manoel P. Miranda
LIMPO DE CORAÇÃO Bem-Aventurados os limpos de coração - os que, havendo vencido seus impulsos inferiores, não se permitem qualquer ato, nem mesmo uma palavra, ou o menor pensamento impuro, que possa ofender o próximo em sua honorabilidade, pois eles verão a Deus.. Rodolfo Calligaris
LÍNGUA (..) as línguas são formas de expressão, caminhando para a expressão única da fraternidade e do amor (.)Em.
LÍNGUA DE FOGO (..) As línguas de fogo, reflexos das luzes dos Espíritos elevados, representavam o batismo anunciado por Jesus. Aurélio A. Valente
LINGUAGEM (..) Pode estabelecer-se como regra invariável e sem exceção que - a linguagem dos Espíritos está sempre em relação com o grau de elevação a que já tenham chegado. Os Espíritos realmente superiores não só dizem unicamente coisas boas, como também as dizem em termos isentos, de modo absoluto, de toda trivialidade. Por melhores que sejam essas coisas, se uma única expressão denotando baixeza as macula, isto constitui um sinal indubitável de inferioridade; com mais forte razão, se o conjunto do ditado fere as conveniências pela sua grosseria. (...) Allan Kardec
LINGUAGEM DE JESUS (..) é toda espiritual. Quem quiser compreendê-la deve buscar sempre o sentido de seus dizeres sob prisma puramente espiritual. Ele serviu-se da forma, empregando-a para designar pensamentos transcendentes, dos quais a forma, em si mesma, não pode dar uma idéia precisa e clara. Temos necessidade de ir além da forma isto é, de desprezar a letra, a vestimenta da sua linguagem, buscando o espírito. Só este é capaz de nos fazer penetrar a mente e o coração do Mestre. Pedro de C. Vinícius
LINGUAGEM DO ESPÍRITO (...) é uma vibração do pensamento, o efeito da vontade. Yvonne A. Pereira
LINGUAGEM ERGÉTICA (..) linguagem mediúnica - objetiva, a que chamamos ergética (ergon-trabalho) ou plástica, conforme se expresse de modo fugaz, em termos puramente dinâmicos - um objeto que se desloca sem contato vísivel - ou se concretize de maneira mais duradoura, plasmando a própria matéria viva - as materializações e pelo menos certos fenômenos de somatização. Jayme Cerviño
LISONJA

A lisonja é veneno em forma verbal. André Luiz

Lisonja é moeda falsa. Cunhada pela ilusão. Que a nossa própria vaidade. Coloca em circulação. Casimiro C

LITERATURA

Literatura é toda manifestação intelectual do homem, por meio da palavra ( Cecil Meira). Para Cândido de Oliveira, a Literatura, arte e ciência, é um "instrumento de indagações e análises", papel sem dúvida desempenhado a contento pela literatura espírita, mediúnica ou não. Para Marques da Cruz, Literatura é a alma de uma Nação em prosa e verso. Pedro Franco Barbosa.

A literatura é a exteriorização perdurável do pensamento humano neste mundo. Por ela se aprecia a evolução do homem; por ela se apreciam o seu aperfeiçoamento, o seu grau de civilização, os seus afetos e os seus ódios; a sua grandeza ou a sua baixeza. Ela é o imenso caleidoscópio através do qual se vê toda a vida e todo o pensamento humano na Terra, desde que o homem soube pensar e viver. É a obra do cérebro e a obra do coração humano. Fernando de Lacerda

LITERATURA MEDIÚNICA Comecemos por uma premissa: não devemos aceitar nem rejeitar sistematicamente tudo quanto vem Alto. A respeito de livros e mensagens do Além, há duas posições que nos parecem muito sistemáticas, senão incon- venientes: há os que absolutamente repelem qualquer mensagem , qualquer trabalho mediúnico quando não conhecem o grupo, o ambiente onde a mensagem foi recebida; e há os que aceitam tudo, sem exame, sem crítica, apenas porque vem do Alto. De um lado e do outro, há, evidentemente, exagero porque é sempre necessário que prevaleça, antes de tudo, o bom senso. Não devemos aceitar como verdade tudo quanto nos dizem certos Espíritos, ainda que o façam em boa forma literária.(..) Deolindo Amorim
LIVRE-ARBÍTRIO

O livre-arbítrio é definido como "a faculdade que tem o indivíduo de determinar a sua própria conduta", ou, em outras palavras, a possibilidade que ele tem de, "entre duas ou mais razões suficientes de querer ou de agir, escolher uma delas e fazer que prevaleça sobre as outras." Rodolfo Calligaris

O Livre-Arbítrio aumenta à medida que o Espírito se adianta - não apenas em conhecimentos, mas principal mente em moralidade. Contrariamente, o determinismo é mais forte quando o Espírito é mais ignorante ou grosseiro. Há espíritos que cedem à matéria quase que totalmente, ou vivem a bem dizer, em função da mes ma matéria; enquanto há outros que embora, sujeitos aos órgãos físicos, lutam constantemente e chegam a neutralizar umas tantas necessidades pelo idealismo, pela pureza de pensamento, pela fé, pelo desejo ardente de se melhorarem. É o jogo do determinismo versus livre-arbítrio. Vence o mais espiritualizado. Aí, justamen te, entre a Doutrina Espírita com mais uma lição: o corpo não é responsável pelos nossos desatinos, pelas nossas paixões. Não, ele é apenas instrumento, já que o poder pensante é o Espírito. Deolindo.Amorim.

LIVRO

O livro é sempre o grande e maravilhoso amigo da humanidade(...) Martins Peralva

O livro edificante é o templo do espírito, onde os grandes instrutores do passado se comunicam com os aprendizes do presente, para que se façam os Mestres do futuro. Irmão X

LIVRO DOS ESPÍRITOS O Livro dos Espíritos, a primeira obra que levou o Espiritismo a ser considerado de um ponto de vista filosófico, pela dedução das consequências morais dos fatos; que considerou todas as partes da doutrina, tocando nas questões mais importantes que ela suscita, foi, desde o seu aparecimento, o ponto para onde convergiram espontaneamente os trabalhos individuais (..) Allan Kardec
LIVRO DOS MÉDIUNS O Livro dos Médiuns. Destina-se a guiar os que queiram entregar-se à prática das manifestações, dando-lhes conhecimento dos meios próprios para se comunicarem com os Espíritos. É um guia, tanto para os médiuns, como para os evocadores, e é o complemento de O Livro dos Espíritos. Allan Kardec
LIVRO ESPÍRITA O livro espírita é dos maiores veículos de divulgação da Doutrina Codificada por Allan Kardec, levando a mensagem para as mais longínquas partes do mundo. FEB
LÓGICA (..) lógica é a razão em si mesma, em torno de situações, pessoas e coisas; fora dela a paixão é capaz de gerar o crime, à conta de sentimento (..). Emmanuel
LOGOS O princípio da inteligibilidade (compreensibilidade; faculdade de compreender), a razão. O logos é o princí pio supremo de unificação, portador do ritmo, da justiça e da harmonia que regem o universo (Heráclito); o princípio de ordem, mediador entre o mundo sensível e inteligível (Platão). Este último princípio é o mais vulgarizado. Manuel de Quintão
LOUCO O louco, em geral, considerando-se não só o presente, senão até o passado longinquo, é alguém que aborreceu as bênçãos da experiência humana, preferindo segregar-se nos caprichos mentais; e a entidade espiritual atormentada após a morte é sempre alguém que deliberadamente fugiu às realidades da vida e do Universo, criando regiões purgatórias para si mesmo.(..) André Luiz
LOUCURA A loucura, propriamente dita, faz-se acompanhar sempre de um estado mórbido dos órgãos, que se traduz, as mais das vezes, por uma lesão. a alienação será, pois, uma enfermidade física quanto à sua causa, embora mental quanto à maioria dos seus efeitos. Pode a loucura transmitir-se por via hereditária, mas às vezes se transforma, quando manifesta nos descendentes. Gabriel Delanne
LOUVAÇÃO (vide adoração) A louvação consiste em exaltar os atributos da Divindade, não, evidentemente, com o propósito de ser-Lhe agradável (..) Há de traduzir-se por um sentimento espontâneo e puro de admiração por Aquele que, em todas as suas manifestações, se revela detentor da perfeição absoluta. Rodolfo Calligaris
LUA (..) âncora do equilíbrio terrestre nos movimentos de translação que o globo efetuaria em torno da sede do sistema; o manancial de forças ordenadoras da estabilidade planetária e, sobretudo, o orbe nascente necessi- taria da sua luz polarizada, cujo suave magnetismo atuaria decisivamente no drama infinito da criação e da reprodução de todas as espécies, nos variados reinos da Natureza. Emmanuel
LUCIDEZ SONAMBÚLICA (..) faculdade, que a alma tem, de ver e sentir sem o concurso dos órgãos materiais. É um de seus atributos essa faculdade e reside em todo o seu ser, não passando os órgãos do corpo de estreitos canais por onde lhe chegam certas percepções (..) Allan Kardec
LUNÁTICO Os lunáticos eram encarnados sujeitos a obsessões ou subjugações momentâneas, que se repetiam com certa regularidade. J. B. Roustaing
LUTA

Crede que a luta é a nossa eterna herança, Com a qual marchamos plenos de esperança; Que une os mundos e os seres nos seus laços. Fco. C.Xavier

Lutar é perseverar nos posto de trabalho que o Senhor nos confia, superando todas as inibições, com esquecimento de todo o mal e a valorização de todo o bem. Fco. C. Xavier

LUXÚRIA Entre os chamados "pecados capitais" do gênero humano, nenhum outro há sido tão condenado quanto a luxúria, considerando-se tal todos os abusos e extravagâncias sexuais. Trata-se, com efeito, de um vício de consequências terrivelmente danosas; gera enfermidades, avilta caracteres, produz loucuras, inspira crimes, arruína lares, destrói civilizações. Rodolfo Calligaris
LUZ

A luz é a herança de Deus para as trevas e não podemos subtrair a própria vida a nossa destinação.R.C.

(..) A luz é, na verdade, a mais elevada, potente e veloz das expressões do movimento, suscetível de acrisolar -se ao infinito, desde as suas mais corriqueiras manifestações físicas, até as mais nobres manifestações espiri tuais, nos paraísos divinos. Hernani T. Sant'Anna

LUZ ASTRAL (..) uma substância que manifesta uma força; ou, se prefere, uma força que aciona uma substância: as duas são inseparáveis, como substância (...) a luz astral deve ser considerada o substrato de toda a matéria; o potencial de toda a realização física; a homogeneidade, raiz de toda diferenciação. É a expressão temporal de adamah -, esse elemento primordial donde, segundo Moisés, foi tirado o ser do Altíssimo fez o primeiro homem. Como força, o astral nos aparecerá como evirtuado pelo influxo e refluxo dessa essência viva a que chamaremos, de acordo com Moisés, nepheseh-ha-chaiah, o sopro da vida (..). A luz astral é, enfim, a subs-tância universal animada, movida em dois sentidos inversos e complementares, pelo efeito duma polaridade dupla, do pólo integração ao pólo dissolução, e vice-versa. (..) Albert de Rochas
LUZ ESPIRITUAL

(..) é a revelação divina, o conhecimento superior que nos foi dado por Deus, através do seu Cristo e dos seus mensageiros (...) Hernani T. Sant'Anna