U
UBIQUIDADE "Não pode haver divisão de um mesmo Espírito; mas, cada um é um centro que irradia par diversos lados. Isso é que faz parecer estar um Espírito em muitos lugares ao mesmo tempo. Vês o Sol? É um somente. No entanto irradia em todos os sentidos e leva muito longe os seus raios. Contudo, não se divide. Allan Kardec
ÚLTIMOS SERÃO OS PRIMEIROS E OS PRIMEIROS SERÃO OS ÚLTIMOS Muitos dos que se colocaram na frente, entre os primeiros, serão dos últimos a chegar ao fim, por não terem marchado com perseverança. Os que confiam em si mesmos e crêem marchar com mais segurança e passar adiante de seus irmãos, se verão obstados pelo seu próprio orgulho e terão igualmente retardada a marchaJBR
UMBANDA "A umbanda é prática religiosa dos negros africanos bantos que, juntamente com os sudaneses, foram trazidos ao Brasil, como escravos. Existindo entre os negros bantos, segundo Nina Rodrigues e Arthur Ramos, o culto dos antepassados, ou a crença na existência da alma dos mortos, os negros brasileios fundiram esse culto com as práticas do Catolicismo e do mediunismo, assimilando-o ao seu ritual supersticioso, daí nascendo então o culto banto-ameríndio da Umbanda, conforme define João T.de Paula. Pedro Franco Barbosa
UMBRAL

O umbral (..) começa na crosta terrestre. É a zona obscura de quantos no mundo não se resolverem a atravessar as portas dos deveres sagrados, a fim de cumprí-los, demorando-se no vale da indecisão ou no pântano dos erros numerosos(..) André Luiz

(..) situado entre a Terra e o Céu, é dolorosa região de sombras, erguida e cultivada pela mente humana, em geral rebelde e ociosa, desvairada e enfermiça.(..) André Luiz

UNIÃO A união fraternal é o sonho sublime da alma humana, entretanto, não se realizará sem que nos respeitemos uns aos outros, cultivando a harmonia, à face do ambiente que fomos chamados a servir. Somente alcançaremos semelhante realização "procurando guardar a unidade do espírito pelo vínculo da paz" Emmanuel
UNIÃO ANTIPÁTICA (..) nessas uniões (antipáticas), ordinariamente buscais a satisfação do orgulho e da ambição, mais do que a ventura de uma afeição mútua. Sofreis então as consequências dos vossos prejuízos. Allan Kardec
UNIFICAÇÃO Então, Bezerra de Menezes, sentindo a importância e a gravidade do problema que se desenvolvia arbitrariamente, aquie e ali, capacitou-se da imprenscindibilidade de uma nova unificação do comportamento espírita, naturalmente seguindo a linha sensata e segura do Codificador, nos difíceis tempos da luta pela estabilização da Doutrina, em setores ainda pouco preparados para alcançar a significação da desejada homogeneidade da ação espírita, quer nos trabalhos práticos ou experimentais, quer nas tarefas de doutrinação e evangelização. Desde aí, o Espiritismo brasileiro compreendeu, acompanhando o raciocínio superior de Bezerra de Menezes, que a unificação, indiscultivelmente indispensável e urgente, teria de ser, não um serviço de emergência, transitório, mas um trabalho de caráter permanente, contínuo, destinado a se desenvolver de acordo com as necessidades presentes e futuras, porquanto, além de receber sempre novos contingentes de adeptos, inscientes e carentes de orientação, teria de estimular e ajudar aqueles que, vindo de outros credos, se encontrassem, ainda que inconscientemente, apegados a praxes e costumes diversos, e a outros, mais antigos, que, não havendo ainda assimilado completamente o espírito da Doutrina, pensassem, de boa fé, mas erroneamente em introduzir novidades, convencidos de laborarem para o bem da causa por eles abraçada. Indalício Mendes
UNIFICAR Unificar, em todos os sentidos e todas as formas, é o objetivo que todos os espíritas devemos perseguir sem esmorecimento. Para que isso se torne fácil, basta que cada qual siga a Doutrina, exemplifique seus princípios procure colocar a Doutrina acima de atitudes personalistas e de interesses outros, porque a verdade é que ninguém perderá coisa alguma se dispuser a obedecer a coletividade espírita e a Humanidade.Indalílicio M.
UNIGÊNITO (..) Jesus. Manuel Quintão
UNIVERSO O Universo é, ao mesmo tempo, um mecanismo incomensurável, acionado por um número incontável de inteligências, e um imenso governo em o qual cada ser inteligente tem a sua parte de ação sob as vistas do soberano Senhor, cuja vontade única mantém por toda parte a unidade.(..) Allan Kardec
USO O uso é o bom senso da vida e o metro da caridade.(..) Uso é moderação em tudo. Emmanuel
ÚTERO

(..) O útero maternal significa, para nós outros, a porta bendita para a redenção (..) Fco. C. Xavier

O útero materno é um vaso anímico, porque todos os acontecimentos biofisiológicos acontecem sob a influência poderosa e sutil e desconhecida da força mental do Espírito reencarnante, em conjunção com a mente materna, determinando situações que nem a ciência terrestre e nem mesmo a mulher podem perceber em toda a extensão espiritual. O seio materno é manjedoura divina que abriga amorosamente um espírito para refundição da forma humana, garantindo sua volta às lutas da vida terrena. Leopoldo Balduino