partilha

Emmanuel

Observa a Divina Sabedoria na esfera da natureza e encontrarás, em toda parte, o regime de partilha por base de todo o progresso na Criação.

                                                              -*-

Deus estrutura o campo.

O homem verte o suor.

Por decorrência, temos o pão suprindo a mesa.

                                                              -*-

Deus fornece os recursos do solo.

O homem entrega o braço à construção.

Por resposta, surge o lar que protege a existência.

                                                              -*-

Deus concede o metal.

O homem faz o cadinho.

Por solução, purifica-se o ouro que estimula o trabalho.

                                                              -*-

Deus institui o bloco de pedra.

O homem maneja o buril.

Em conseqüência, revela-se a obra-prima.

                                                              -*-

Não há realização alguma sem alicerce na Bondade Divina, como não há civilização no Globo sem o concurso humano.

                                                              -*-

Os seres mais humildes da Terra ajustam-se em ordem a semelhantes princípios de concessão e cooperação.

                                                              -*-

A árvore recebe o adubo e espalha a própria seiva na seara de que não se aproveita.

                                                              -*-

A abelha recolhe a essência e fabrica o mel com que regala os outros.

                                                              -*-

Cada animal absorve certa percentagem de elementos do meio que lhe é próprio, devolvendo-a transfigurada em utilidade.

                                                              -*-

Rogando algo do Céu, não olvides que a Terra espera também por ti e, recordando que o sistema de dádiva e compromisso é alicerce nas relações do Criador com todas as criaturas, peçamos socorro e melhoria, socorrendo e melhorando aqueles que nos cercam, a fim de que a vida nos encontre fiéis à Lei de Deus, na bênção de cada dia.

 

Livro – Abençoa Sempre – Francisco Cândido Xavier – espíritos diversos

Digitado por – Valeria Guida