VIOLÊNCIA

 

Hilário Silva

 

Não se queixe da vida.

 

Trabalhe e conserve bondade e paciência para com todos:

 

Um homem irritado visitava extenso pomar, descarregando o próprio azedume nas árvores, sacudindo-as intempestivamente,

 

Muitos troncos amigos aceitaram a injúria com serenidade. Uma jaqueira, porém, ao ser rudemente agitada, sem querer, deixou cair um de seus frutos sobre a cabeça do agressor, causando-lhe o hematoma que lhe precedeu a morte.

 

 

  Do livro Aulas da Vida. Psicografia de Francisco Cândido Xavier.