CLONAGEM
à luz do Espiritismo



1. Sem fazer, neste momento, referência ao reino vegetal, sabemos que a Doutrina Espírita diz que todo ser vivo, nascido ou oriundo da união macho e fêmea do reino animal, inclusive o homem, é formado de corpo físico, alma e perispírito:

a) Dentro deste ensinamento, pode-se dizer que todo clone, como ser vivo, é necessariamente formado de corpo físico, alma e perispírito?

b) O nascimento de almas diferentes, com tendências de comportamento em corpos aparentemente iguais pela origem genética, pode ser considerado como uma prova da preexistência da alma, antes do nascimento?

Resposta:

Vamos então em partes. Para que se chegasse a este instante que a ciência encarnada está a tratar houve um caminho. Este caminho é o que se esteire a experimentar através do primeiro ser vivo ou primeira situação de vida que foi o ser vegetal, por isto que queríamos começar pelo vegetal. Vamos observar que esta clonagem humana, ela é uma continuidade de um dos instantes dos experimentos que foram surgindo através do próprio vegetal, onde se foi observando situações necessárias em que se poderia transmutar um vegetal a outro, experiências de um vegetal incorporar a outro, no sentido de dar a este resistência e esta resistência, pudesse ser mantida e desenvolvida "'.

E neste trabalho, nesta continuidade foi-se aperfeiçoando para que se chegasse ao reino animal. Não vamos ainda parar para analisar o corpo humano. Vamos começar analisar este corpo da parte vegetal e animal. Neste instante, vamos então observar a situação existente dos transgênicos. Ok.

Nota:
(1) O Espírito faz referência às primeiras experiências de melhoramento genético realizadas com plantas.

2. Podemos dizer que o transgênico é o ser de uma espécie vegetal ou um animal que sofreu uma alteração genética?

Resposta: -"Sim. Esta alteração genética foi inicialmente observada, desenvolvida naquilo que era o primeiro ser vivo que poderia não trazer consequências muito... deturpadas para a constituição geral. Aquilo que poderia ser mais fácil de ser analisado sem trazer riscos para outras ligações futuras. Então dentro disto, foram feitos experimentos para observar o que um poderia servir ao outro, o que uma só delas poderia estar agora, sendo analisada de forma, a dar mais resistência, ao outro. Ok?

Para quê? Para que o homem pudesse ter um recurso através do qual a sua própria condição física se mantivesse dentro de uma postura mais firme, mais forte, mais equilibrada para fazer frente aos problemas que a vida física estaria a apresentar.

NOTA: 1 - Neste ponto, provavelmente, o Espírito faz referência aos experimentos precursores da Engenharia Genética, que envolveram bactérias e a transferência de genes de resistências à antibióticos.

3 - Ao fazer todas estas manipulações genéticas, principalmente nas plantas, não estaríamos interferindo na Lei Natural e gerando problemas, consequências, que ainda nem sabemos quais são?

Resposta: -"A alimentação aí está, embora com aqueles que ainda são cépticos dizendo "não, isto não pode, isto vai trazer grandes consequências, outras consequências". Tudo é um processo de análise que vem desde aquele primeiro instante em que nós, Espíritos, estivemos a evoluir. Através da experimentação do vegetal chegou-se na grande explosão que é a nossa querida..Dolly. O homem ficou embevecido. Sim, a nossa Dolly e outros e outros que muitas vezes não foram divulgados, mas aconteceram. Muitos foram jogados fora porque não se encontrou aquela verdadeira comprovação".

4 - Para que se chegasse à Dolly houveram muitos erros sob o ponto de vista espiritual?

Resposta: -"Muitas roupas, usando a colocação no livro anterior, foram sendo jogadas fora. Por quê? Porque não serviam. Porque o tecido não estava combinando. Então não se usava, se foi descartando e aí usavam o termo comum hoje: "descartável". E houve o descartável vegetal, houve o descartável animal, ok? Dentro desse descartável animal, o homem atrevido parou e verificou: "Eu posso agora também partir para um passo mais além, eu tenho essa condição". Daí o ensinamento dizendo: "Somos deuses" - não foi este o ensinamento evangélico? Sois deuses, ou seja, sois descobridores de algo que está a ser revelado.

NOTA: 1 - Referência ao livro Reprodução Assistida à Luz do Espiritismo - Edições FEESP

5 - O vegetal que está sendo trabalhado em laboratório, ele também tem um princípio espiritual?

Resposta: -"Sempre existe princípio espiritual. Analisem bem: Existe o princípio espiritual que vai aproveitar estes recursos para ir pouco a pouco assimilando, acompanhando o desenvolver. Então esses pequenos elementos que estão sendo coordenados também por estes princípios que vão se aglutinando, que vão também observando, vão se juntando, vão se moldando, vão também acompanhando e contribuindo para que o fechamento da problemática ou da realização se complete, ok?

6 - Pode-se dizer que toda esta intervenção do homem nos genes, nos transgênicos e na clonagem é uma co-criação?

Resposta: - "Irmãos, hoje o homem está abrindo a sua visão para este problema clonagem, nome pomposo, mas se nós observamos esses experimentos, vêm de muitos milênios. É que as equipes maiores foram experimentando qual a forma ideal para poder fazer frente ao mundo que estava em formação. Tudo isso que hoje a mente humana já está capacitada, gabaritada, para um pequeno atendimento, e isso já vem sendo trabalhado pelos engenheiros do Mundo Espiritual, emissários do alto das equipes maiores, que trabalharam, que verificaram, que harmonizaram, que jogaram fora aquilo também que não podia ser observado. Notemos os grandes vegetais, os grandes animais, que foram descartados.

7 - Há uma dúvida entre os estudiosos da Doutrina Espírita a respeito de uma célula ser ou não um princípio inteligente, uns dizendo que sim, outros que não. O que poderia ser dito a respeito?

Resposta: -"Dentro desta dúvida, caminhem comigo, dentro destas células que vão se multiplicando existe ali também estes princípios espirituais que estariam gerenciando... Não vamos discutir, vamos analisar esta situação agora. Dentro desta situação, deste ser que estaria agora recebendo esta carga energética para poder manter a sua vida, como o companheiro disse, dentro daquele corpo existe a vida, as células vão se multiplicando, elas vão-se encaminhando, elas vão tomando a conformação, de acordo com o projeto, de acordo com o instrumento que estaria sendo o molde para ela. E ela vai seguindo este molde, se não seguir o molde, extrapola. Então, dentro disto, observemos que os princípios espirituais que nada mais são que os princípios inteligentes estão ali trabalhando para a multiplicação, para o gerenciamento."

8 - Se não seguir o molde, extrapola. Pode explicar melhor?

Resposta: -"É a mesma coisa que acontece com a enfermidade que é o câncer: E o que é o câncer? Não é uma desorganização? Não são elementos que tomaram outro rumo? E tomando outros rumos começaram a criar situações por conta própria, diremos assim, sem gerência, é necessário que sejam elimandos e outra vez se estabelecer a harmonia?

9 - O conhecimento cada vez maior do genoma humano dará condições técnicas ao homem de selecionar melhores embriões libertos de defeitos genéticos. A humanidade está preparada para isto?

Resposta: -"O Planeta está em um estágio que nós diríamos entre o primitivo e adentrando expiação e provas. Estamos verificando que o homem ainda está muito imperfeito. A perfeição do corpo físico está na dependência do quê? Da perfeição do espírito. O espírito! Esses já estão todos puros? Maravilhosos? Não. Então, perfeição não existe! Então, nós não podemos nesta situação, embora tenhamos os corpos os mais anatômicos possíveis, mas estes corpos anatômicos têm jungidos, ou ligados a eles aquele que é ou que vai administrá-lo. Dependendo do "administrador", ele poderá levar esta maravilha para situações as mais variáveis possíveis na dependência da sua situação.

10 - Como os Espíritos justificam, neste momento, esta tentativa dos cientistas obterem corpos perfeitos, sem contar com as imperfeições espirituais?

Resposta: - "O homem busca corpos perfeitos. O homem busca corpos anatômicos os mais perfeitos possíveis, mas atrás disso, existem as necessidades expiatórias, que aquele a encarnar tem. Ele tem que passar por certas situações. Vai começar a conviver com seus erros,daí - os corpos imperfeitos, que servirão daquilo que constantemente se diz - as prisões - para que aqueles Espíritos possam através do sofrimento, porque é a única maneira através da qual o Espírito vai sentir mais de perto a necessidade de mudança ou através dos corpos imperfeitos que estão automaticamente ligados ao mapa, e agora veio o mapa cromossômico espiritual. Existe o mapa cromossômico físico em que o homem procura liberar todos os erros, mas há junto neste mapa estão gravados todos os procedimentos que aquela criatura realizou e, em cima disso, vai surgir, diríamos, os momentos que poderiam ser corrigidos ou não corrigidos na dependência da evolução espiritual de cada um. ok!

11. A correção do mapa cromossômico físico, realizado pelo cientista, interferiria no mapa cromossômico espiritual?

Resposta:-"Este mapa cromossômico que aí vem, é que o homem hoje tem a sua, grande descoberta em observar que ele pode corrigir, em termos, desde que aquele espírito realmente tenha, diríamos assim, aquela necessidade de ser liberto do problema. Houve aí, aquilo que se diria, um... crescimento. Houve aí... um, merecimento. Este merecimento é que vai dar condição de correções neste mapa espiritual e neste mapa físico. Ok!

12. No trabalho do cientista humano, do homem encarnado, ele ao elaborar um clone, ou um ser mudado, ele pode criar um corpo totalmente defeituoso... O Espírito pode aproveitá-lo?

Resposta:-"Sim, e neste corpo defeituoso ele seria aproveitado por aqueles espíritos que imperfeitamente se encontram, que se destruíram, e que agora vão ter neste corpo a oportunidade de começar a construir algo a retificar, a harmonizar, a dar a sua contribuição. De acordo com estas necessidades espirituais surgem as enfermidades, surgem os problemas, surgem, as deformidades, surge toda uma situação individual. Tudo está registrado. Tudo está maravilhosamente gravado.

13. Como explicar este processo de gravação da vida que passa?

Resposta:-"A idéia é que, cada um ao reencarnar, recebe um... diríamos um "chip"... não, um "chip" não, perdão, receberia um. "disquete". Disquete virgem e, neste disquete vão ser gravadas todas as ações desenvolvidas para que no instante do retornar ao campo espiritual vai se ter a oportunidade de ter ali marcado todos os problemas realizados -positivos e negativos - a serem, corrigidos, a serem encaminhados. Para quê? Para que o Espírito possa, agora, com este programa, esta visão, e/e agora possa dizer: Eu errei aqui! Agora eu quero corrigir aqui. Agora, eu vou eliminar esta parte. Vou fazer todo o possível para me corrigir... Entendem? Estão caminhando neste raciocínio?
Então, dentro desta idéia nós vamos observando que esta situação que aqui foi colocada — os corpos defeituosos — não são jogados fora. Eles são aproveitados por aqueles que são chamados dizendo: Olha, de acordo com a sua ficha, este corpo seria ótimo para que você começasse agora a refletir nos danos causados e você vai ter que reorganizar-se perispiritualmmte através desta união - corpo físico e perispírito.

14. É possível de fato que o cientista construa corpos perfeitos, ou isto é uma ignorância de sua parte ou é uma fantasia porque não conhecem o funcionamento dos genes na sua totalidade ou achando que conhecendo os genes poderão, um dia, chegar à perfeição do corpo. Isso é realmente possível, do ponto de vista biológico?

Resposta:-"Para o cientista, no nivelamento que eles se acham, encontramos perfeição, mas a perfeição não existe. Aperfeição absoluta, para as questões espirituais está muito além. Perfeito é aquilo sem doença, aquilo que o homem estabeleceu como perfeição. De acordo com a situação do cientista. O cientista diz: Isto é perfeito! Será? A perfeição no nível do seu grau de entendimento e, é por isso que vamos observando que as questões vão se alterando, modificando e voltando a crescer e a se refazer, a verdade absoluta que muitos dizem: Encontrei!, mas ao ver todo o problema amanhã aquilo se desfaz por que ainda não é. Ok!

15. Ao assistir um depoimento de um geneticista francês, que não era nem espiritualista, ouvi dele que o homem pode, num determinado momento, utilizar conhecimento para criar um corpo perfeito mas, como a humanidade não é perfeita, a natureza encontrará os seus meios através de acidentes e micro-organismos de gerar imperfeições que a humanidade ainda tem que vivenciar. Concorda com isso?

Resposta:-"Resposta perfeita. Por aí então observamos - a humanidade ainda não está perfeita. A maciça maioria ainda está marchando arrastando-se no campo do primitivismo. Vejam quantos focos e problemas surgem em determinadas regiões do globo onde aquelas necessidades, agora gerais, são para aqueles Espíritos que ali se reuniram com esta proposta de estarem convivendo com aqueles desequilíbrios para aprenderem. Muitos, ainda, não aprenderam: Por que embora alguns tenham conhecimento, outros não têm.

16. Se a maioria dos homens se arrasta no campo do primitivismo e não está preparada para conviver com corpos perfeitos, quando poderá compreender e analisar a questão?

Resposta:-"A análise virá no amadurecimento da sua dor e, é por isso que diríamos que a dor é o maior crescimento para o homem. Então, diante disto, mesmo que este homem receba esta organização que, para o cientista seria perfeita, dentro dos parâmetros científicos, mas virão os problemas daquele que está a utilizar, a administrar este corpo. Se ele não estiver perfeitamente em equilíbrio tal qual aqmle corpo, ele próprio vai criar situações que vão trazer momentos de dor para ele, Espírito.

17. O problema da AIDS está neste contexto?

Resposta: -"A AIDS foi trazida, por quê? Pelo procedimento do homem, que embora com os corpos maravilhosos, mas agora trouxe para, si, muitas das vezes sofrimento que não estava para este programa, atual. Mas, através da sua inexperiência, dos seus valores negativos ainda não aproveitados, ele trouxe para si, dor, sofrimento e inclusive a abreviação do seu tempo de vida através daquilo que O Livro dos Espíritos fala e todos nós bem sabemos - suicídio! Ok!
Vejamos, agora, esta organização composta de todos estes elementos vivos, estes princípios espirituais, estes corpos que ali estão tendo vida, cada um sendo coordenados por aquele administrador que é o espírito, que não soube bem administrar e deu permissão para que houvesse as brechas, e em cima das brechas surgiram as destruições que deram a falência dessa organização que, inicialmente, era perfeita. E, por esta falência trouxe ou introduziu estes vírus que são nada mais nada menos que elementos negativos, elementos ainda destruidores que aí estiveram a enfraquecer toda esta organização.

18. O mapa cromossômico espiritual é parte integrante do corpo espiritual, do perispírito, e é por isso que ele interfere no mapa cromossômico humano?

Resposta: -"Sim, sim! Vejam cada uma das vossas ações, diria das nossa ações, pois também nós temos o nosso "mapinha "guardado esperando a oportunidade para colocarmos em prática. Queridos companheiros, a correção também se faz do lado de cá. Não pensem que correção somente é feita quando reencarnamos. Não, aqui também nós vamos corrigindo. A cada momento que a nossa mente vai desabrochando que vamos observando, que não era aquilo que devíam fazer, vamos corrigindo.

19. Poderia explicar mais detalhadamente este mapa cromossômico espiritual?

Resposta: -"Ele é como um disquete que está impregnado de todas as ações constantemente, vamos às reuniões, somos chamados para assistir nosso mapinha e, observar de acordo com isso, a necessidade de trabalhar mais neste ponto, mais naquele, para que desta maneira se possa corrigir. E veja o grande assombro, o grande espanto para o homem de ciência. Achava, que ele tinha descoberto uma maravilha e parou e observou que o seu mapa cromossômico era quase que semelhante ao de todos os animais. Ok, companheiros! Então aí foi, aquilo que diríamos, a água fria que chegou a esse homem, dizendo, fizemos, corremos tanto, e não chegamos aonde esperávamos ter grande sucesso. Apenas descobrimos que, na questão animalesca — todos somos iguais. E, ai a vaidade, o orgulho se desfaz. Ok!

20. Estamos falando que o perispírito traz em si o mapa cromossômico e o paralelo que foi feito, é a elaboração do disquete. Mas, da mesma forma que o disquete arquiva aquilo que um ser inteligente coloca, o períspirito, na verdade, ele não passa de um reflexo daquilo que o espírito é. Não é isto?

Resposta: -"Sim. Coloquei "disquete" como a questão mais atual, mais dia-a-dia. Por que hoje o homem, trabalha em cima desta máquina, destes aparelhos e destes elementos, que são elementos que auxiliam o seu avançar, o seu deslanchar mais rápido. Ok? Então, dentro disto, esta comparação, que estamos estabelecendo apenas em nível comparativo. Ok? Dentro desta comparação diríamos: tudo o que está gravado naquele disquete para análise posterior do Espírito. O homem de ciência, pára e observa: nós podemos eliminar esta enfermidade. Sim! No nível em que aquele Espírito, percebam, já se corrigiu, já não tem mais necessidade de passar por aquela situação. Então, para aquele corpo pode-se eliminar esta situação, por que já houve um amadurecimento, houve uma correção perispiritual e agora esta correção perispiritual pode ser projetada para este corpo em formação.

21. O Amigo Espiritual falou de um mapa cromossômico espiritual e um mapa físico. Deveria haver entre os dois, não sei se a palavra seria esta, uma "semelhança", uma afinidade. Havendo esta afinidade, se tivermos vários clones, vários corpos, em série, que têm uma constituição genética semelhante, estes Espíritos que vão reencarnar, eles vão ter, de alguma forma, alguma semelhança pela fato de estarem reencarnando em corpos semelhantes ou isto não tem nada a ver?

Resposta: -"Dois gêmeos são iguais? Não. Carinhas iguais, corpinhos iguais, tudo igual mas cada um, tem a sua individualidade. Se fizermos dez clones iguaizinhos, cada um terá sua individualidade. Por quê? Porque são "indivíduos". São Espíritos individualizados. Cada um crescendo na proporção da sua necessidade. E por isso que observamos cada um de nós, que nos encontramos aqui, estamos num nível evolutivo, variável, de acordo com a nossa razão, de acordo com a nossa maneira, de ser.

22. Qual a finalidade de existir um óvulo (ou alguns) e uma quantidade enorme de espermatozóides? É para garantir o sucesso da reprodução?

Resposta: -"Não! E uma condição natural para termos elementos para trabalharem de acordo com as necessidades do Espírito. Por que só um consegue, ou só alguns conseguem, outros não? Porque aqueles que conseguem, são aqueles que foram "induzidos " para poder chegar lá. Aquele que está induzido para poder dar realmente condições nessárias para aquele Espírito, que terá naquela encarnação, ou reencarnação, as oportunidades para atingir os seus objetivos mais nobres. E dentro desta, situação teríamos, de acordo coma experiência, e aí volta o "mapa", esta encarnação você vai trabalhar esta etapa. Então, para trabalhar esta etapa você não pode nesta encarnação ir de smoking. Esta encarnação você vai com uma roupa daquelas... mais próprias para aguentar a "graxa "(1).
Nota: (l) Este mesmo Espírito, ao utilizar a palavra smoking, faz referência ao livro Reprodução Assistida à Luz do Espiritismo, Edições FEESP, onde disse que os embriões que estavam sendo trabalhados pelos cientistas na proveta ou críopreservados nada mais eram que roupas guardadas num guarda-roupa, utilizáveis, neste ou naquele momento, segundo a vontade e interesse do homem, conforme a ocasião. Exemplos: um macacão, um terno, um smoking.

23. Se existe esta inter-relação bem estreita entre o Espírito - que está reencarnando, e o corpo, podemos pensar então que corpos que têm uma constituição genética semelhante, vão atrair Espíritos semelhantes, ou não?

Resposta: -"Semelhantes, não! Espíritos que serão afinados. Aqui é um processo de afinidade. Afinidade, tanto positiva como negativa. Quando se diz "afinidade" todos pensam,: "Espíritos bonzinhos". Não! Afinidade também negativa. Por que aqueles Espíritos, aquelas famílias, aqueles grupos que se desorganizaram, que se desviaram, vai se afinando daí a hereditariedade. O que é a hereditariedade? É aquilo que estes grupos, estas famílias espirituais vão juntas caminhando e tendo estas situações em que um passa, para o outro a necessidades básicas que o grupo precisa conviver. E aí existe atras da expiação a prova. Provas, sim! Porque existem, aqueles que agora vão provar, ou analisar, ou se testar.

24. Permita-nos fazer uma colocação importante. Espíritos sintônicos são semelhantes. Espíritos afins são aqueles que não são necessariamente semelhantes mas estão afim pois necessitam de provas e expiações semelhantes. Está correta esta análise?

Resposta: -"Exatamente! Provas e expiações que poderão surgir entre aqueles que estão hoje ocupando uma organização, temos de usar este termo, ' 'disforme", enquanto os pais são equilibrados. E neste instante em que aconteceu, estes pais equilibrados, estes "pais perfeitos" (entre aspas) estão também passando por uma experiência. Por que eles estão agora cuidando deste Espírito para que ele tenha condição de ultrapassar a dificuldade. Por isso é que muitas vezes o tom, a hereditariedade se desequilibra, e "pais perfeitos"geram "filhos imperfeitos".

25. O envelhecimento precoce, ou mais rápido, das células dos seres clonados, como se observou na Dolly, decorre de uma falha da ciência ou tem uma explicação espiritual diferente?

Resposta: -"A ciência pegou o quê? A ciência pegou um corpinho novinho para trabalhar?
Não, pegou uma célula adulta já cansadinha. Ok! Então, dentro disso vai gerar o quê? Alguém novo? Perfeito? não. E' uma continuidade. Por que existe um período, existe um tempo-celular. Cada célula tem seu tempo de vida. Muitas daquelas células vão sendo renovadas a cada instante. A organização de vocês, agora, é a mesma, daquela lá trás? Não! E' uma outra. Mas dentro desta renovação também ela vai caminhando dentro de um período a atingir aquilo que diríamos, não o final, mas o "término" daquela etapa. Essas células, embora estejam "novas" (em termos), elas estão apenas substituindo uma no mesmo nível. As duas estão trabalhando iguais. E' isso que o homem, não parou para analisar. Ele vai trabalhar com o quê? Com elementos, vamos usar o termo um pouco grosseiro, elementos "já cansados". Elementos que estão num caminho de "falência" e, por isso é que o envelhecimento "precoce", não! E' um envelhecimento normal, porque esse é o nível que está se chegando. E, é por isso que o cientista parou e observou: não vai dar para termos uma vida maior do que aquela que precisávamos. E aí a grande expectativa: vamos produzir alguém, e este alguém será alguém muito mais novo que o outro? Não! E alguém igualzinho a este.

26. Este problema poderá ser corrigido? Esta é uma falha momentânea, porque o cientista ainda não compreendeu, não sabe como contornar, ou isto é uma coisa que não tem solução?

Resposta: -"Tudo vai ser aproveitado para que o Espírito possa utilizar deste momento, até o instante em que o homem de ciência amaducer-se e começar a perceber valores diferentes, algo diferente atrás da matéria. Observar que existe alguma coisa atrás da matéria. Alguma coisa além da matéria.

Comentário: Objetivamente, esta resposta, pelo menos no momento, não é animadora para aqueles que por este ou aquele motivo quisessem perpetuar sua imagem através da clonagem, por que se se tomasse um homem 70 anos ou quase 80 e tentasse cloná-lo a partir de uma célula adulta diferença seria mínima na vida do clone.

27. Existe a possibilidade de num determinado momento, no futuro, o homem conseguir trabalhar a célula especializada fazendo com que ela retorne à "quilometragem zero"? Ou, ainda, será que o homem vai conseguir aquilo que a natureza já faz com a união do óvulo e espermatozóide?

Resposta: -"A Natureza já está fazendo isto. O homem está tendo a oportunidade de ser um "semi-deus" e trabalhar também. No "zero" poderá fazer futuramente, quando o Espírito estiver mais evoluído quando o Espírito tiver necessidade de ter agora, sim, corpos mais perfeitos, porque ele - Espírito — está mais perfeito! Ele vai desmaterializando, aí chegamos em Paulo que diz: Aí chegará, o momento em que a morte deixará de existir. Por quê? Porque não precisará mais deste corpo. Estaremos trabalhando em uma outra dimensão, numa outra situação, num, outro estágio. Ok!

28. A clonagem é simples orgulho e vaidade do homem ou tem algum objetivo especial?

Resposta: -"Todas as descobertas humanas, em todos os campos, estão todas perfeitas? Todas as descobertas humanas o homem diz: Cheguei no ponto ideal? Não, logicamente. Se as coisas mais concretas, o homem observa que ele pode ainda gerenciar um pouco mais para se beneficiar. Por que, qual é o objetivo da clonagem? E apenas o primeiro instante dizer: Eu consegui! E o orgulho e a vaidade... Mas tem que ter o objetivo. Qual o objetivo? A nobreza. Qual o objetivo nobre que realmente isto vai trazendo ? O homem de ciência não parou para observar. Ele apenas está dizendo: Eu estou conseguindo, eu estou realizando. Mas, vamos parar e analisar qual o objetivo fundamental de tudo isto ? Hoje, os grandes instrumentos tecnológicos, eliminando esta situação clonagem, mas todas as descobertas havidas em todo o cenário humano, foram pouco a pouco se atualizando para melhor servir ao homem, para que este homem pudesse ter tempo para poder se descobrir e, se descobrindo se projetar, e se projetando se amar. Esse é o grande objetivo.

29. Gomo o homem pode descobrir tudo isto numa só existência?

Resposta:-" E' por isso que existe esta maravilha chamada "reencarnaçâo. Porque se hoje eu reencarno como físico, amanhã eu já tenho que reencarnar como lavrador. Porque conheço a física, mas não conheço a agricultura não sei como cuidar da terra, como cuidar do amanho da terra. Ok! São estas experiências. Hoje eu experimento uma situação, amanhã ou situação, depois outra, depois outra... e neste somatório, espiritualmente vamos atingindo este ponto básico, fundamental, de virmos nos aproximando do Criador, nos tornando Espíritos Puros, isto lógico, é uma grande meta, mas estamos longe dela. Mas - é esta a grande meta. Por sso, é que a reeencarnação é a oportunidade de aprendizado. E por isso que, deixem de lado, por caridade, nomes pomposos de companheiros, por isso que não vou declinar o meu nome... Não há necessidade disto... Não, não, não... Esqueçam... Vamos trabalhar! Isto é o fundamental.

30. Será possível, que num futuro próximo, a Medicina tradicional seja substituída pela medicina regenerativa na qual os órgãos doentes sejam substituídos por órgãos sãos? Isto estaria interferindo nas provas que teremos de fazer?

Resposta: -"Se nós estamos neste mundo em que temos a necessidade experimentar, de expiar, ou seja, expiação que vem não só para aqueles que estão encarnados, mas a expiação também para os desencarnados. Não é porque deixou a "vestimenta material" que não precisa mais passar por esta expiação. A expiação é, nada mais nada menos, que um chamamento à mente em desarmonia, à mente em que se desviou, para buscar o caminho correto, para a sua corrigenda, sua evolução e a sua projeção a um mundo melhor.

Comentário: A resposta evidencia que não são os órgãos, mais ou menos perfeitos, que regem a expiação, tendo em vista que, também no Mundo Espiritual, ela ocorre por derivar de um processo de reajustamento mental imposto pela Lei de Causa Efeito.

31. Que recomendações os amigos espirituais podem dar aos educadores e cientistas para tratarem do assunto ''clonagem"?

Resposta: -"A Medicina atual está trabalhando para trazer corpos mais perfeitos, eliminando a dor, eliminando a enfermidade, eliminando o sofrimento. Esta é a proposta. Ótimo! Esta proposta é maravilhosa, porém, não é para o momento atual. Porque observamos que o homem ainda está construindo ações negativas, ações que comprometem, basicamente o seu corpo. Que está danificando corpo e mente. Portanto, se este mundo é um mundo como foi aqui dito, em que o homem é ainda inferior, que o homem ainda está muito ligado às questões animalescas, que o homem ainda está muito ligado às coisas materiais, óbvio que, a Medicina atual não consegue ainda encontrar toda uma condição básica para trazer a este homem uma situação de harmonização para o seu veículo físico. Ok?

32. O amigo espiritual falou que a Medicina ainda não está preparada para fazer órgãos perfeitos e corpos perfeitos. Mas, no futuro a tendência é essa? A minha pergunta é: A Medicina está se transformando?

Resposta: -"Sim, claro! Porque tudo é um, processo evolutivo. Tudo é um processo de amadurecimento. Mesmo biólogos, médicos, químicos e outros mais hão de perceber claramente, principalmente, levando questão para a situação de continuidade da vida. Sim., ele vai aprendendo a utilizar melhor a matéria. Ele vai agora conduzindo melhor a matéria e aí, ele vai obviamente tendo corpos mais perfeitos. O homem teve oportunidade de aprimorá-lo, em função de sua própria inteligência, porque ele também é um co-criador. Por isso vamos colocar de uma forma geral, encarnados e desencarnados, são co-criadores.

33. O homem como co-criador poderá produzir órgãos novos a partir da Medicina de regeneração? Isto é uma utopia ou é possível para ele?

Resposta: -"Voltando à situação do "clone", por que essas experiêcias? Por que se busca formas anatômicas mais perfeitas? Os elementos anatômicos mais perfeitos? Órgãos mais perfeitos? Mas, este órgão perfeito só será realmente utilizado por aquele Espírito que só verdadeiramente trabalhar com aquele órgão. Desta maneira, analisemos juntos: O que valeria para uma criatura, envolvida, a no campo da viciação, peguemos um vício comum, material, bem geral a toda a sociedade - o tabagismo -por exemplo. Vamos supor que o homem, conseguisse "construir " (vamos colocar desta forma bem "matérial]") um pulmão "maravilhoso" e entregá-lo a determinada criatura que ainda se encontra envolvida no tabagismo? Trouxe algum benefício? Vai acontecer o quê? A criatura vai continuar dentro do mesmo vício agora prejudicando mais um outro corpo aumentando o quê? A sua responsabilidade. A responsabilidade aumentou! Então, desta forma, observamos: estas organizações poderão ser utilizadas por aqueles Espíritos ou por aquelas criaturas :rie basicamente estão acompanhando dentro de um. processo de ele-'•jção mora/. E por isso que as descobertas aí estão mostrando que as questões primitivas da enfermidade poderão ser alteradas, mas desde que aquela criatura deseje ter uma organização melhor para fazer frente à sua necessidade de evolução.

34. A pergunta era, realmente, se esta clonagem de órgãos teria uma possibilidade de progredir rapidamente, no momento, ou é só um sonho?

Resposta: -"Não, não seria um sonho. Seria um. "projeto humano ". Ok! Não um "sonho". Sonho é algo fantasioso, algo que desaparece. E' um projeto porque companheiros, os três que aí estão, que trabalham no campo material notaram já uma solução grandiosa nos seus experimentos, ok? ou não? Quanta coisa foi descartada mas, quanta coisa trouxe benefícios para que se observasse: este é o caminho, através do qual alcançaremos algo melhor. Esta é a postura que devemos utilizar, esta não é a forma certa, deixemos de lado esta e utilizemos agora esta. São os experimentos para que a clonagem possa atingir o êxito. O êxito em todos os campos. Por isso, desde o primeiro encontro, analisamos aquele processo que hoje é mais comum, onde observamos a partir do vegetal, a partir da forma animal, para depois se projetar e se desaguar no homem. Isto está longe, ainda, muito longe ainda, por quê? Porque o homem ainda não evoluiu, o homem, ainda está muito pequeno moralmente. Este homem não tem condição vestir uma roupa nova, melhor e poder utilizá-la bem.

35. A ação da mente sobre a matéria, ou seja, a favor de do espírito, seria de vital importância para o bom desempenho do órgão clonado ou a ação seria meramente material, dentro do campo da genética?

Resposta: -"
Relembremos o que Jesus disse ao Cego de Jericó. Ele que ver. Eu quero ver! Não foi esta a solicitação daquele companheiro? Eu estou cansado de ficar nas trevas, diríamos assim. Eu quero um órgão, através do qual eu possa agora fazer frente às minhas necessidades básicas encarnatórias. Vamos continuar a conversa, que Jesus disse: Então, veja! O órgão esta aí, utilize-o bem, aplique o bem, aproveite-o bem para que possa verdadeiramente gozar a alegria, da felicidade de ter se libertado de uma ação danosa que você mesmo criou. Ok!

36. Isto nos faz pensar que a clonagem regenerativa como remendo novo numa roupa velha. E melhor viver remendado do que rasgado, não é?

Resposta:- "Vamos voltar a esta clonagem regenerativa. Não percam de vista algo básico e fundamental que é: A cada um segundo as suas obras. Claro, então é isto que precisa. O homem de ciência esquece desta situação porque quer ver coisas palpáveis. Ele quer ver
somatórios de fórmulas, de números, de elementos, mas... e obras? E as obras? Estamos aqui para quê? Para apenas pararmos no corpo físico? Ou qual é o objetivo fundamental do Espírito? Não é a evolução espiritual? Para que serve o corpo físico? É apenas uma
vestimenta, do homem, num processo, diríamos, ainda pequeno, porque quando este homem evoluir, este corpo já não terá mais necessidade para ele.

37. Um dos grande temores da sociedade humana é que um cientista menos criterioso, ou menos moral, possa utilizar-se desta tecnologia e produzir seres em série. Pergunta: no momento em que ele pode materialmente produzir seres em série, contratar senhoras ou mulheres para gestação destes embriões, ele poderia dar origem a uma "família especial". Esta família especial teria um reflexo super diferente na sociedade. Isto seria válido sob o ponto de vista social? Sob o ponto de vista Espiritual? Gostaria de um esclarecimento a respeito.

Resposta: -"Vamos tomar o livro "Maravilhoso Mundo Novo ", Dentro deste livro observamos ali, há um o processo de criação em, série. Então vamos observar juntos. Eu gosto de pegar coisas bem rudimentares. Vamos a uma indústria de roupa - vamos pegar "roupa" porque o corpo físico nada mais é que "roupa". Vamos formar "uniformes". Uniformes maravilhosos, todos prontinhos, todos para ser entregues, àqueles que vão utilizar estes uniformes. E, colocamos todo mundo uniformizado. Beleza! Ótimo! Todo mundo igualzinho! Uniformizado! Mas, no decorrer do desenvolvimento das atividades, o que vai acontecendo com estes uniformes? Vão se tornando diferentes. Vamos colocar um termo bem rasteiro: aquele que for um pouquinho mais desajeitado, irá sujar todo o seu uniforme. Já aquele que for mais organizado, mais voltado a uma questão de limpeza, vai lavar muito o seu uniforme que vai, com o tempo, desbotar, ficar um uniforme diferente do outro. Aquele que não souber utilize bem este uniforme, vai com o tempo rasgar o uniforme. Então observemos, mesmo que o homem seja colocado em série, a série pode ser física, mas as atitudes serão individuais de cada um dos Espírita que se utilizarão desses corpos. Vamos pegar uma pessoa bastante notada no meio físico. Peguemos aí um Einstein, que é uma figura mais observada no meio científico. Vamos fazer dez Einstein. Igualzinhos, bonitinhos, com sua lingüinha de fora. Ok Ente clonamos estes dez Einstein. Mas, chega um Einstein que vai dizer Que feio colocar a língua para fora! Não posso fazer isto. Vai ter um outro Einstein que fala: Eu não posso ser muito rebelde. Eu preciso cuidar mais de minha família. Vai ter outro Einstein que vai dizer: Não, este não é o procedimento. Eu encontrei Deus mas não esta forma de Deus. Então, vamos observando que os Einsteins são iguais mas terão posturas diferentes e, com o correr do tempo vamos ter Einsteins de formas e aplicações as mais variadas possíveis. Nenhum deles vai ter a mesma forma. Porque quem está. '"embutido" nesta vestimenta de Einstein? São aqueles Espíritos que realmente virão, com este comprometimento. Muitos até poderão vir dizendo: Olha: Você vai vestir esta roupa de Einstein, vê o que você vai fazer, porque que você vai estar colocado numa situação muito séria. Porque sabemos que, antes da reencarnação, cada Espírito é orientado. Cada Espírito é melhor direcionado. Cada Espírito é dito a ele: E este teu plano de vida. Vê o que você vai fazer. Quer voltar atrás? Pode! Porque o Espírito, no momento básico, pode dizer: Não quero mais!

Vou parar por aqui! E muito difícil!. Quantos irão deixar de lado também. Quantos irão dizer: Eu não quero esta forma. Eu quero outra! E muita responsabilidade estar trazendo esta imagem. Não, não, não! Vou deixar para uma outra encarnação. Nesta não vai me fazer bem. O k? Por que já estamos no estágio de acão. De descoberta ou seja, de escolha. E, dentro desta escolha, cada um. vai escolher, e cada um vai querer ou não. Por isso, esta situação em, série é uma situação física que o homem, na proporção em for amadurecendo, ele não se importa com fisionomias. Ele vai se importar com "ações". Ok!

Nota:

(1) O Espírito fez referência ao livro de Aldous Huxley, que em língua portuguesa recebeu o nome de Admirável Mundo Novo, lançado no Brasil pela Editora Globo, em 1941. Do prefácio feito pelo próprio Aldous Huxley, 6a. edição, extraímos dois excertos que revelam seu pensamento e preocupação com a vida humana. Podemos dizer que estão em plena consonância com o tema e propostas deste livro - Clonagem à Luz do Espiritismo:

"a) Todos os moralistas estão de acordo em que o remorso crônico é um sentimento dos mais indesejáveis. Se uma pessoa procedeu mal, arrependa-se, faça as reparações que puder e trate de comportar-se melhor na próxima vez. Não deve, de modo nenhum, pôr-se a remoer suas más açóes. Espojar-se na lama não é a melhor maneira de ficar limpo;

b) O tema de Admirável Mundo Novo não é o avanço da ciência em si mesmo; é esse avanço na medida em que afeta os seres humanos. Os triunfos da física, da química e da engenharia são tacitamente dados por supostos. Os únicos progressos científicos descritos especificamente são os que se relacionam com a aplicação aos seres humanos dos resultados de futuras pesquisas nos terrenos da biologia, da fisiologia e da psicologia. É somente por meio das ciências da vida que se pode mudar radicalmente a qualidade desta. As ciências da matéria podem ser aplicadas de tal modo que destruam a vida ou a tornem impossivelmente complexa e desconfortável; mas, a não ser que sejam usadas como instrumentos pelos biologistas e psicólogos, nada podem fazer para modificar as formas e expressões naturais da própria vida".

38. Que recomendações os amigos espirituais podem dar aos educadores e cientistas para tratarem do assunto "clonagem", tendo em vista a Lei de Causa e Efeito?

Resposta: -"De nada vale ser um grandioso dirigente de uma nação, se nesta, nação falta a "clonagem, do amor ",falta a "clonagem do coração "falta a líclonagem do Espírito "falta a clonagem da "razão moral" e onde se vê, única e exclusivamente, a questão "passageira" material.

39. O processo de ligação da alma ao embrião é igual para todos os Espíritos?

Resposta: - "Varia de acordo com. a necessidade de cada Espírito: de aprimoramento, de união, de ligação entre o corpo material materno e o corpo material filho. De acordo com sua organização, muitos Espíritos poderão, obviamente, estar ligados naquele instante da concepção, porque eles têm uma necessidade básica de irem, pouco apouco se aclimatando a esta nova forma, a esta nova situação. Eles vão cair naquele "processo de esquecimento ", de ir abafando, de redução do corpo, ele vai mudando a sua conformação, porque este Espírito terá que ir, pouco a pouco, se aclimatando de acordo com a sua postura. Outros Espíritos já não têm esta necessidade de entrar nesta situação.

40. Em uma de nossas reuniões anteriores, foi dito que há no Mundo Espiritual, muitos cientistas ligados ao trabalho que ainda não acreditam na reencarnação. Isto é normal?

Resposta: -"Esta foi uma colocação de um companheiro nosso, que esteve aqui, dizendo isso. Existe, sim! Porque veja. Processo reencarnatório é algo que está em nosso meio. Vamos pegar a Doutrina que estão abraçando. Todos os espíritas acreditam, na reencarnação? Todos acreditam? Sim, acreditam quando as coisas caminham às mil ma­avilhas. Quando as coisas complicam, vão dizer: Não, não, não.... isso não! Da mesma forma! Muitos Espíritos não aceitam voltar outra vez! Muitos Espíritos dizem: Chega! Eu já fui uma vez, tenho quer voltar de novo, para quê? Isto é bobagem! Posso ficar aqui mesmo! Mas é a lei! A lei que eles ainda não conseguiram despertar. Todos os Espíritos estão no nível de conhecimento geral de tudo? Não! Existem aqueles que ainda estão muito calcados no seu egoísmo, em sua vaidade, aqueles que ainda estão parados em toda uma situação e não permitem, inclusive, que algo seja desenvolvido de uma forma mais dinâmica.

41. Para o homem, que não tem uma consciência mais ampla da vida espiritual, ainda é justificável a dúvida, mas para os Espíritos não é tão compreensível. Por que isto acontece, se eles sabem destas duas realidades?

Resposta: -" Como dissemos, nem todos os Espíritos estão no nível de conhecimento geral de tudo. Existem os Inferiores que embora com conhecimento avançado de ciência, impedem que algo melhor possa trazer, porque esse algo melhor estaria destruindo aquela imagem que ele colocou. Aquela imagem que ele trouxe. Aquela imagem que ele imprimiu inclusive em até algumas obras suas, que poderão agora, ser colocadas à margem. E isso ele não quer. Ê por isso que ele "envolve" aquelas criaturas que se afinam com o seu processo menteal dizendo: Nós não podemos mudar! Deixe de lado isto! Por isso que nosso companheiro, em reunião passada, disse: Muitos são trazidos para observar.

42. Além das características genéticas e comportamentais, as experiência passadas do clonado transferem-se para o clone, como tem evidenciado a novela "O Clone da TV Globo?

Resposta: -"Esta questão deveria até ser retirada, não. Por quê? Porque se falando em visão espírita, obviamente há de se concluir que isto é impossível. A experiência de um vai servir para outro? Se cada um é uma individualidade, cada um é um Espírito, cada, um tem a sua própria elevação. Olha a lição preparatória da nossa reunião hoje(1) e observa as situações em que nos encontramos, as experiências as que cada um está ainda por viver. Cada um com sua experiência que poderá servir de "exemplo", não que isto vá dar para o outro todo o patamar para o seu desenvolvimento. Ok?

Nota:
(l) O tema lido e comentado no início da reunião foi Sede Perfeitos, de O Evangelho Segundo o Espiritismo, Capítulo XVII, item 2: Desde que Deus possui a perfeição infinita em todas as coisas, esta máxima: "Sede Perfeitos, como vosso Pai celestial é perfeito", tomada ao pé da letra, faria supor a possibilidade de atingirmos a perfeição absoluta. Se fosse dado a criatura ser tão perfeita quanto o seu próprio Criador, ela o igualaria, o que é inadmissível. Mas os homens aos quais Jesus se dirigia não teriam compreendido essa questão. Ele se limitou, portanto, a lhes apresentar um modelo e dizer que se esforçassem para atingi-lo. Devemos, pois, entender, por essas palavras, a perfeição relativa de que a humanidade é suscetivel, e que mais pode aproximá-la da Divindade.

43. Pode nos dar uma idéia mais ampla do que seja concepção, dentro da Doutrina Espírita?

Resposta: -"Quando se fala em "concepção", como já foi falado anteriormente, dava-se a entender uma ligação direta, naquele instante do acontecimento. Não! Concepção é algo que vai caminhando no tempo. Concepção é o instante que vamos começando a nos adaptar ao novo corpo que vai nos sendo oferecido. Concepção significa o instante de aproximação, de envolvimento, de ligação, de trabalho, de desenvolver, para que se atinja o ponto final que é o "nascimento ". É todo este período que vai desta ligação da vida "latente" com que o Espírito vai se envolvendo gradativamente, é por isso que o próprio O Livro dos Espíritos diz: "Que todos os elementos vão se ligando um a um", não há uma ligação total. Cada elemento vai se ligando um a um ao corpo que vai se formando gradativamente. É este o instante em que se fala. "concepção ". É este o momento em que se fala concepção. E nesta situação que se pode entender "concepção ". Ok?

44. Todos os Espíritos participam da preparação do corpo espiritual para a reencarnação?

Resposta: -"Somente os Espíritos já mais trabalhados poderão aproveitar esta "vestimenta"; não um Espírito "qualquer" que poderá, "danificar" tudo, que poderá destruir tudo. E algo importante para análise. Então, neste período de análise, estes Espíritos que realmente têm consciência para acompanhar, para também, estar trazendo a sua contribuição no processo que irá se desenvolver. Ok?

45. Há possibilidade de um só gameta dividir-se, por partenogênese, e dar origem a um indivíduo com 46 cromossomos?

Resposta: -"Não. Estão querendo já avançar muito. Estão se envolvendo naquela questão: "Sois deuses" e com o deuses já querem dar passe adiantados. A natureza pode ser realizada assim, pergunto? Na natureza não existe uma progressão contínua, e relativa, pergunto? Na natureza, ela pode ser desenvolvida de um momento para o outro? Então, tudo tem que seguir uma determinada ordem. Isto é ordem, não é indisciplina como o homem, gosta de fazer. Perante as Leis Divinas - tudo é ordem! Embora o homem possa acompanhar; mas tudo dentro de um processo de ordem. Deu para entender?

46. No momento não, mas no futuro será viável ao homem criar um ser humano sem os componentes - macho e fêmea - que fazem parte desta lei natural?

Resposta: -"Veja! A lei básica para a formação de novos corpos, não é ainda através do sexo? Não é ainda através dos dois elementos formadores? Não há necessidade desses dois elementos? Então, obviamente, embora, esteja se descobrindo outras realizações, outras condições, mas ainda a maciça maioria vai ainda necessitar destas duas situações. Embora alguns homens se encontrem, na pontinha do iceberg, descobrindo algo inovador, mas isto não é ainda o procedimento geral para toda a criação humana. Então, embora se possa observar recursos outros, formas outras que poderão trazer vida, mas isto é alguma coisa ainda "pálida ". Por quê? Porque a grande maioria da humanidade ainda tem necessidade daquela lei ainda material que o Pai concedeu a todo o processo de criação, desde o vegetal culminando com o homem.

47. O fato do espermatozóide não participar da formação do clone, acarreta problemas para o clonado? Quais seriam estes problemas?

Resposta: -"O espermatozóide não participa de uma forma, direta. Mas indiretamente, porquanto já está contido na célula especializada do indivíduo que vai ser clonado.

48. A questão da ligação de um Espírito humano àque vida em formação ainda está sendo examinada pelo Mundo Espiritual já que ainda não se cogita de encarnação de Espíritos em clones. Não é isto?

Resposta: -"E' isto mesmo. Embora tenhamos dado uma visão mais ampla, de todo o processo futuro, de tudo aquilo que poderá acontecer de toda esta situação abrangente, isto é alguma coisa futura.

49. Sabemos que o Mundo Espiritual dirige o Mundo Físico. Sabemos que o homem recebe as informações, estas revelações e vai descobrindo paulatinamente a realidade espiritual. A pergunta é: A clonagem vista pelos Amigos Espirituais é um caminho para o homem descobrir a existência do espírito?

Resposta: -"Dentro desta idéia, o espírito é alguma coisa, diríamos melhor, o perispírito é alguma coisa que o homem vai começar a descobrir. O homem vai começar a entender. O homem de ciência vai começar a perceber que além do corpo físico, outros elementos não observáveis, não visíveis, não detectáveis existem.. Não é um procedimento que diríamos que poderia acontecer instantaneamente. Porque o homem tem ainda os seus conceitos. O homem ainda tem o seu argumentos. O homem tem ainda a sua vaidade. O homem tem ainda a sua prepotência.. O homem ainda se acha "senhor absoluto ". O homem não aceita inclusive a Inteligência Suprema". Então, dentro desta caminhada, vai depender, única e exclusivamente, do amaciar destes espíritos, estas mentes e estes corações, para que depois possam ir pouco a pouco entendendo e aceitando.

50. As terapias alternativas que hoje em dia estão em moda, já é o início dessa mudança de paradigma dos cientistas que já começam a acreditar nas terapias florais, na homeopatia ... Tudo isto já é um início de mudança desse pensamento?

Resposta: -"Essa situação é a situação do retornar. Não é uma mudança! E um retornar! Porque é o homem, que se afastou. Porque o homem se afastou achando que isto era uma balela. Hoje ele se aproxima, observando: este é o caminho da lei divina. Estas descobertas, estes elementos, não foram vistos agora. Sempre existiram. Acompanhando o processo histórico do homem, notamos que os homens sempre tiveram, estas orientações. Todas estas situações que hoje o homem de ciência — com os seus diplomas, com os seus anéis — estão aí falando de cátedra, é uma coisa que o homem mais simplório já sabia. Observando a questão histórica acadêmica notamos as duas situações, das duas ciências, das duas medicinas — a Medicina alternativa e a Medicina ortodoxa - uma aceitando, por quê? Porque é aquilo que o homem, realmente quer. O que o homem quer com a clonagem.? Ele quer o quê? O bem estar! Ele quer o quê? A vida fácil! Ele quer o quê? A vida sem doenças. Ele quer a vida sem problemas. E por isso que o homem está se deitando na clonagem, ou seja, agora eu quero corpos maravilhosos. Mas, e suas ações anteriores? Para quem fica? E seu procedimento anterior a danificar todas as estruturas que lhe foram oferecidas, para quem fica? Essa é a Lei divina.