PERTURBAÇÃO ESPÍRITA

1 - EM QUE CONSISTE A PERTURBAÇÃO ESPÍRITA?

RESP.: PERTURBAÇÃO ESPÍRITA: é o fenômeno que ocorre no momento de transição corporal para a espiritual. Nesse instante, a alma experimenta um torpor que paralisa momentaneamente as suas faculdades, neutralizando, ao menos em parte, as sensações. Essa perturbação pode ser considerada o estado normal no instante da morte e perdurar por tempo indeterminado variando de algumas horas a alguns anos, dependendo da evolução de cada um. (LE, 163 a 165)

2 - O CONHECIMENTO DO ESPIRITISMO, ALIADO A PRÁTICA DA CARIDADE, PODE PROPICIAR UM DESPERTAMENTO MAIS TRANQUILO NO MUNDO ESPIRITUAL?

RESP.: O conhecimento do Espiritismo exerce uma grande influência na amenização e até mesmo significativa redução desse período, porque o Espírito adentra essa situação concebendo-a antecipadamente. Quanto menos conhecimento o Espírito tiver da vida espiritual, tanto mais se apega a matéria, mesmo sentindo que esta lhe foge; quer retê-la em vez de abandonar; resiste com todas as forças, podendo-se prolongar essa luta, por dias, semanas e até meses.

3 - É IGUAL PARA TODOS OS ESPÍRITOS A PERTURBAÇÃO APÓS A MORTE?

RESP.: Não. A prática do bem, a elevação moral e a pureza de consciência sempre serão fatores preponderantes para minimizar as vicissitudes dessa contingência. Para o homem de bem é calma, serena semelhante a um despertar tranquilo, ao contrário daquele cuja consciência encontra-se saturada de ansiedades e angústias.

4 - NO MOMENTO DO NASCIMENTO, TAMBÉM EXISTE A PERTURBAÇÃO ESPÍRITA?

RESP.: O momento da encarnação é seguido de perturbação semelhante ao que verifica na desencarnação. Mas, muito maior, sobretudo mais longa que na morte, na morte, o Espírito sai da escravidão, no nascimento entra nela. (LE, perg. 339)

5 - DEIXANDO O CORPO, A ALMA TEM IMEDIATA CONSCIÊNCIA DE SI MESMA?

RESP.: Consciência imediata não é o têrmo: ela fica perturbada por algum tempo.

6 - TODOS OS ESPÍRITOS EXPERIMENTAM, NO MESMO GRAU E PELO MESMO TEMPO, A PERTURBAÇÃO QUE SE SEGUE À SEPARAÇÃO DA ALMA E DO CORPO?

RESP: Não, pois isso depende da sua elevação. Aquele que já está depurado se reconhece quase imediatamente, porque se desprendeu da matéria durante a vida corpórea, enquanto o homem carnal, cuja consciência não é pura, conserva por muito mais tempo a impressão da matéria.