COMPREENSÃO

O mundo aplaude e coroa
És tu mesmo que governas
Quem vence a batalha a esmo,
Teus sucessos e fracassos.
Mas, no Além, o vencedor
Depende das tuas pernas
É quem venceu a si mesmo.
A extensão dos próprios passos.
.
Antonio Azevedo
Aderbal Melo
..  
Prudência se não valesse
Nada de bom se mantém
Na vigilância que exorta,
Onde alguém se obrigue a tal.
Nenhuma casa teria
Virtude é fazer o bem
Necessidade da porta.
Podendo fazer o mal.
.
Lobo da Costa
Alcides Brandão
..  
Por esses trilhos terrenos
Bela a palavra de Armia,
Quantos louros imortais,
Mas, no instante do batente,
Se o rico bebesse menos,
Clama que a chuva está fria
Se o pobre comesse mais!...
Ou diz que o sol está quente.
.
Lulu Parola
Juca Muniz
..  
Lembrando no céu fulgente
Dizem que a Terra se esconde
O mundo que se maldiz,
No inferno da provação.
O santo que é santo sente
No entanto, a Terra responde
Vergonha de ser feliz.
Abrindo-sem em flor e pão.
.
Eufrásio de Almeida
Toninho Bittencourt
..  
O bom conselho comigo
No suor do próprio rosto,
Tem este velho embaraço:
Bebe o pranto da amargura.
Sempre aponto ao meu amigo
Do solo mais empedrado
Tudo aquilo que não faço.
A fonte verte mais pura.
.
Emílio de Menezes
Gomes Leite
..  
Reprovação no caminho
Um homem que nada faz,
Tem desses lances extremos:
Embora cheio de planos,
Condenamos no vizinho
É um morto movimentado,
Aquilo que nós não temos.
Inda que viva mil anos.
.
Xavier de Castro
Teles de Meireles
..  
Bom conselho vale muito
Fácil ver sem grande estudo:
Se cumprido onde ressoe.
Com requinte disfarçado,
O pastor guia o rebanho,
Muito punhal em veludo,
O passo pertence ao boi.
Muito veneno em melado.
.
Lobo da Costa
Lopes Filho
..  
Quem busca o tempero brando
Entre os bons, dinheiro é sempre
De uma trova aprimorada,
Amparo que não se escoa;
Ouça a voz de um passarinho
Mas, entre os maus, é o recurso
Cantando de madrugada.
Que desmascara a pessoa.
.
Ismael Martins
Cristovão Barreto
..  
"Que fazes de ouvidos moucos?"
Do Além, onde a luz nos guia
-Perguntei à campa em trevas.
Sem que se saiba porquê,
E ela disse: "Como, aos poucos,
Tudo aquilo que se via
O que ajuntaste e não levas."
É a casca do que se vê.
.
Juvenal Galeno
Benedito C.Irmão
.
Considera os dissabores
Sem afeto imaginário,
Quais furacões de fumaça...
O amigo diz o que sente.
Poeira de muitas cores
O futuro adversário
Que sufoca, ensina e passa...
Bajula constantemente.
.
Oscar Batista
Lopes Filho
.  
Há quem abusa e se gaba,
Enquanto a luz não se oponha
Mas esquece (e é sempre assim)
À sombra da fantasia,
Que quando a festa se acaba
Sempre vigia quem sonha,
A conta é paga no fim.
Sempre sonha quem vigia.
.
Soares Bulcão
Antonio Sales
.  
Prazer na carne! Façanha,
Injustiças, desacatos...
Jogo de achar e esconder!...
Não guardes pretextos vãos.
No mundo, quem perde ganha,
Na bacia de Pilatos
Quem ganhou vem a perder.
Muita gente lava as mãos.
.
Bernardo de Passos
Henrique de Macedo
.  
Cartazes, anúncios, planos,
 
O maior deles - a cruz -
 
Permanece há dois mil anos
 
Na promoção de Jesus.
 
.
 
Àlvaro Martins
 
.