P A I

 

CARTA AOS PAIS
..
Não podes viver a esmo,
Meu irmão, em tua casa,
Numa estrada indefinida
Nas ternuras dos filhinhos
Um pai tem obrigações
Personifica o bom-senso,
Das mais nobres que há na vida.
Entre beijos e os carinhos.
..
Por enquanto, a Terra inteira
Entende a luz do caminho.
Inda é um mar encapelado
A tua finalidade
Se não dominas a onda
Não é somente a da espécie
Virás a ser dominado.
Nas lutas da Humanidade.
..
Exige-se muito mais
Se a missão das mães terrestres
Dos teus esforços no mundo;
É conduzir e ensinar,
Recebeste de Jesus
O teu trabalho é de agir
Um dom sagrado e profundo.
No esforço de transformar.
..
Não olvides teus deveres
Um pai que deixa os filhinhos
Na esfera da educação,
Abandonados ao léu,
Fazendo de tua casa
Não corresponde no mundo
A escola de redenção.
À confiança do céu.
..
Cuida bem dos pequeninos
A tua função no lar
A educação tem segredos
Não é somente prover,
Que devem ser estudados
Mas adotar providências,
Desde os tempos dos brinquedos.
Procurando esclarecer.
..
Ensina os teus a gastar.
Gastar somente o que é justo
Quem vive muito à vontade
É ser prudente e cristão,
Pode encontrar a miséria
Quem gasta o que não é seu
No fim da ociosidade.
Faz dívida de aflição.
..
Luta sempre, mas se os teus
Na pobreza ou na fortuna,
Não te seguirem os trilhos,
Esforça-se, meu amigo,
Esperemos nesse Pai
Exemplifica o trabalho
De que todos somos filhos.
E Deus estará contigo.
..
Casimiro Cunha

 

PAI SEMPRE

Alguém te disse, alma querida e boa,
Que os Espíritos Nobres
Nunca se valem de pessoa
Claramente imperfeita
Em tarefas de amor à Humanidade ...
Por isso mesmo o escrúpulo te invade
E, receando a própria imperfeição,
Foges do privilégio de servir
Em que o Senhor te pede trabalhar
A fim de conquistar
O Celeste Porvir ...

Reflitamos, no entanto,
Entre simples lições da Natureza:

A semente germina em lauréis de esperança,
Muita vez sob a lama ascorosa e indefesa;
A fonte não seria exemplo de bondade
Em que a vida enxameia,
Se recusasse deslizar
Sobre tratos de terra e lâminas de areia ...

Olha as flores do charco
Embalsamando campos e caminhos,
A rosa não desdenha florescer
Entre punhais de espinhos ...

Pensa ainda conosco
Nas fraquezas e lágrimas que levas.
O Sol seria o Sol
Se fugisse das trevas?

Esquece pessimismo, acusação, censura,
Nada te desanime, ergue-te e vem ...
Conquanto enferma e rude, mesmo assim,
Se te encontras na sombra, avança para a luz,
Sem desertar, porém, de servir com Jesus!
Vem cooperar no amor que devemos ao mundo
E entenderás, por fim,
Que só se vence o mal pelo serviço ao Bem
E que a bênção de Deus jamais nos desempara
Nem despreza a ninguém.

Maria Dolores

AOS PAIS DA TERRA
Teu filho corre e é saudável?
Teu filho não pode correr?
Brinca com ele no campo da Vida!
Brinca com ele carinhosamente!
Pois essa fase,além de divertida,
O melhor remédio para o doente
deixa uma doce lembrança inapagável.
é a Alegria, fazendo esquecer !
..
Teu filho vai bem nos estudos?
Teu filho não consegue estudar
Parabéns pelo ilustre rebento
por obra de enfermo retardo?
que estudando usa o tempo,
Não te esquece que ele está no aguardo
mas brinque com ele contudo !
e também deseja rir e brincar !
..
Teu filho casou-se?
Para que esse mundo seja de Alegria
Parabéns pelos netos e netas que virão,
é preciso semear a esperança,
sem esquecer que os netinhos desejarão
principalmente no peito da criança
um vovô Alegre e muito brincalhão!
que será adulta um dia!
..
Comece em casa essa experiência
Olhe teu filho como amigo e irmão!
Vale a pena ! Sorrir é viver!!!
Ele precisa sentir-se igual
E no Lar, quando o Amor renascer,
e não deixa que lhe ocorra nada de mal,
o mundo também sofrerá essa influência !
e poderá ser teu pai na próxima encarnação!
..
Observe teu lar com carinho!
Abra as janelas para o Sol entrar !
A dedicada companheira que
Ame os teus, ame o mundo !
todos os dias divide contigo
A Vida na Terra é um segundo.
as lutas, as dores, as agonias.
Não passe por ela sem Amar !
Já pensaste se um dias ficares sozinho?
..
Reforme teu Lar com emoções !
E quando o teatro da Vida mudar a cena
Cante, dance, rega as flores !
e o colorido enfeitar teu jardim,
Não nega para os teus amores
verás que tanto esforço assim pela Alegria
a festa sublime dos Corações !
BEM QUE VALEU A PENA !!
..
José Grosso

 

LAMENTO PATERNO
Ah! meu filho, na concha de teu peito,
Via-te o coração por céu vindouro,
Encerravas contigo, meu tesouro,
O futuro risonho, alto e perfeito.
Entretanto, prendi-te a cruzes de ouro,
Cujo peso carregas sem proveito,
Abatido, cansado, insatisfeito,
Arrojado a medonho sorvedouro...
Recolheste, no encanto de meu jugo,
O fascínio da posse por verdugo
E a preguiça forjando horrendas pragas.
Hoje, chamo-te em vão... Ouves apenas
O dinheiro vazio que armazenas
Na demência da usura em que te apagas !...
José Guedes