PARA QUANDO SE ESCAPAR DE UM PERIGO

Pai, em todas as coisas que vos pedimos, faça-se a vossa vontade e não a nossa, por saberdes, melhor do que nós, o que nos convém para nosso adiantamento moral e felicidade futura.

Meu Deus! Agradeço-vos o haverdes permitido que eu escapasse do perigo que me ameaçava.

Louvores vos tributo, Senhor! Saiba eu eternamente amar-vos e servir-vos, para, de alguma forma, poder ser grato à vossa misericórdia.

E vós, Anjo de minha guarda e espíritos que me protegeis, aceitai o meu reconhecimento e fazei com que eu conheça minhas faltas, para que, reparando-as, possa tornar-me digno de vossa proteção.

Inspirai-me bons pensamentos e assisti-me, para que eu consiga empregar com utilidade o tempo que Deus teve por bem conceder-me ainda na presente existência e , assim, ao libertar-me dos liames da carne, possa entrar no mundo espiritual, expurgando de minhas imperfeições.