ESPÍRITO EM TERAPIA

1 - PREFÁCIO

O presente trabalho da psicóloga Ercília Zilli é mais do que um estudo comparativo entre a teoria de Leopold Szondi e a Doutrina Espírita. É também, uma síntese magnífica e uma urdidura habilíssima de cada um dos temas escolhidos para compor o rico tecido de idéias que forma este livro singular: O Espírito em Terapia — Hereditariedade, Destino e Fé.

Sendo originariamente uma dissertação apresentada à Banca examinadora da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e tendo merecido aprovação com nota máxima, constitui, sem dúvida, algo digno de leitura atenta; de estudo e meditação sérios.

O Espírito em Terapia — Hereditariedade, Destino e Fé vem preencher algumas das inúmeras lacunas que se notam no universo de conhecimentos vigentes em nosso país. Entre elas, figuram os paradoxais conceitos que se fazem acerca do Espiritismo na sociedade brasileira.

Como se sabe, o Espiritismo, desde sua implantação aqui no Brasil, no século XIX, sempre foi alvo de hostilidade e incompreensão por parte de outras religiões. A imprensa, por sua vez, costuma, em certas ocasiões, demonstrar profundo desconhecimento a respeito dele, confundindo-o com diferentes credos religiosos, quando não o ataca e ridiculariza sem nenhuma razão plausível.

Em virtude dos pacíficos fundamentos cristãos da Doutrina Espírita, os seus adeptos evitam revidar aos ataques feitos contra o objeto de suas convicções. Com raras exceções, lêem-se ou se vêem polêmicas acirradas e revides agressivos originados de espíritas em defesa da honra de sua Doutrina. E quando isso ocorre por causa de ataques gratuitos e abusivos, a linguagem empregada pelo defensor é, geralmente, elevada e comedida.

Entretanto, luzes promissoras estão despontando no policrômico cenário da nossa cultura, neste início de século e de milênio. Vêem-se também trabalhos sérios e de inegável importância que brotam no seio da massa intelectual espírita, entre os quais se destaca a tese da ilustre psicóloga Ercília Zilli.

Esta obra, além de conter inúmeras e preciosas lições de vida, é também um valioso resumo das fascinantes idéias de Leopold Szondi, amalgamadas habilmente com as de Richard Hughes, Rupert Sheldrake, André Luiz, Emmanuel, Allan Kardec e outros mais.

É digna de admiração a capacidade de síntese de Ercília Zilli! A bibliografia de base desta obra é também excelente. Dessa forma, o texto, além da maneira rica e atraente como foi escrito, contém inúmeros e preciosos ensinamentos acerca de importantes assuntos modernos, que mostram a atualidade e seriedade dos temas inspirados pela Doutrina Espírita.

Não nos estenderemos mais, para não roubar o precioso tempo do leitor e não lhe furtar o prazer de se deleitar com as agradáveis surpresas da sua leitura.

Hernâni Guimarães Andrade

2 - PREFÁCIO DA 2ª EDIÇÃO

Adaptado de oportuníssima e pioneira tese acadêmica, Espírito em Terapia pode ser lido dentro desse viés de origem. Uma pungente e crucial aventura e desbravamento do autoconhecimento.
Convidado para este prefácio, sem ser especialista, mas um buscador de longo tempo da alma, e portanto, um generalista das teses psicológicas, arrisco-me afirmar que Szondi tangenciou, como poucos, o grande elo entre o espírito imortal e nossas vidas de todos os dias.

Preferi lê-lo como a jornada do ser humano por libertar-se das tramas do ego e sua materialidade. Essa grande batalha da vida e a morte da morte. A ânsia da transcendência. As conexões e fios da rede vão se estabelecendo, desde sua base genética, ao longo do tempo, circunstâncias e conjunturas. Se podemos ficar enredados nas teias do destino, podemos também transformá-la na catapulta que libera do emaranhado de sinopses, inputs e fissuras, a essência - o espírito e sua consciência de si e sua integração com tudo e todos.

Sinto que o peso histórico de suas origens, as famílias, a Segunda Guerra Mundial e a efervescência intelectual de seu tempo, fez de Szondi uma cobaia de si mesmo. Seu destino foi expressar sua fé em possibilitar escolhas mais saudáveis ao ser humano. A ponte simbólica que compõe a capa deste livro, lembra a ponte real entre Buda e Pest, percorrida por Szondi durante boa parte da sua vida. Sinaliza sua vontade de integrar níveis interiores e exteriores, mas é também metafórica de uma ponte transcendental.

A grande conexão de sua Psicologia de Destino com as possibilidades da transição de seres rastejantes para almas cósmicas, através dos muitos renascimentos (reencarnação) na busca de verdade libertadora. A correlação de seus estudos com o Espiritismo mostra nexos e elos de nossa vida e suas relações com os outros. O outro lado de nossos destinos. Foi assim que percebi, ao ler O Espírito em Terapia. Mas isso só foi possível graças a uma mestra. A Ercília, é claro.

Acompanhe-a nessa trilha de libertação.

Jether Jacomini Filho

3 - APRESENTAÇÃO DA 2ª EDIÇÃO


Com a primeira edição esgotada, fez-se necessário realizar uma revisão do livro O Espírito em Terapia, que resultou da dissertação de mestrado, com o título Hereditariedade, Destino e Fé — Um Estudo Comparativo entre a Teoria Gênica das Pulsóes (Leopold Szondi) e a Doutrina Espírita.

O prefácio do ilustre companheiro de ideal, hoje na Pátria Celestial, e que muito nos honrou, refere-se à primeira edição. A dissertação de mestrado, apresentada à Banca Examinadora e que recebeu a nota máxima, também concerne à primeira edição.

Nesta segunda edição, como resultado de mais alguns anos de estudos e discussões em grupos de estudos realizados com os psicólogos da Abrape - Associação Brasileira de Psicólogos Espíritas, acrescentamos alguns comentários e reflexões.

Agradecemos ao amigo Jether Jacomini pelo apoio, incentivo e a gentileza de um novo prefácio, ele que é um companheiro dedicado à expansão da Doutrina Espírita e grande conhecedor das obras de André Luiz.

Agradecemos também aos estudos realizados em família, que se prolongaram noite adentro e principalmente ao meu filho Eduardo pelas importantes ponderações nas questões levantadas nesta edição e pela dedicação aos estudos espíritas, para acrescentar alguns aspectos que poderão ampliar os nossos questionamentos, em que pese a modesta contribuição que podemos oferecer.

Agradecemos a paciência do Benfeitor amigo, que se fez presente neste momento, uma vez que a primeira edição deveria se manter estritamente dentro dos parâmetros aceitos pela Academia. Inserimos, portanto, esclarecimentos espirituais, como resultado de uma tentativa de aprofundamento da compreensão de textos de André Luiz e esperamos que sejam de alguma valia ao leitor que busca estudar a Doutrina Espírita.

Ercília Zilli

INTRODUÇÃO
..CAP. I1 - A TEORIA SZONDIANA
..CAP. I2 - BIOGRAFIA DO AUTOR
..CAP. I3 - TEORIA
..CAP. I4 - FORMAS DE DESTINO
..CAP. I5 - TESTE DE SZONDI
..CAP. I6 - TEORIAS DOS CAMPOS MORFOGENÉTICOS..
..CAP. II1 - PREÂMBULO
..CAP. II2 - A DOUTRINA ESPÍRITA
..CAP. II3 - HEREDITARIEDADE, DESTINO E FÉ
..CAP. II4 - O MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO
..CAP. III1 - DIFERENÇAS
..CAP. III2 - CONVERGÊNCIAS E COMPLEMENTARIDADE
..CAP. III3 - APLICABILIDADE DO PARADIGMA....
..CAP. III4 - CONCLUSÃO
..CAP. III5 - APÊNDICE: ENTREVISTA COM HERNANI GUIMARÃES
..PEQUENA BIOGRAFIA DE LEOPOLD SZONDI
..SÍNCOPE DAS TEORIAS DAS PULSÕES: 1ª e 2ª